Comércio irregular de carne é alvo de operação no interior paulista

Servidora do Ministério da Agricultura estaria envolvida nos crimes

Publicado em 31/05/2021 - 11:00 Por Agência Brasil - São Paulo

Um frigorífico no município de Presidente Prudente (SP) é alvo da Operação Inopino, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta segunda-feira (31). A finalidade da operação é o combate a crimes sanitários, de corrupção, estelionato e falsidade documental, praticados por organização criminosa envolvendo um frigorífico. 

Cerca de 50 policiais federais estão cumprindo sete mandados de busca e apreensão nas cidades de Presidente Prudente, Presidente Epitácio e Rancharia, todas no interior de São Paulo.

De acordo com as provas da investigações, desde 2018 uma auditora fiscal federal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) teria recebido valores e vantagens para facilitar a comercialização de carnes em desacordo com as normas do setor.

Ouça na Radioagência Nacional


Durante as investigações foram demonstrados fortes indícios de que essa servidora pública e prepostos da empresa investigada trocavam embalagens de forma a adulterar datas de vencimento, modificavam romaneios (ista que especifica peso, qualidade e quantidade de mercadorias embarcadas ou vendidas) e relatórios de pesagem. A auditora do Mapa investigada será afastada de suas funções por determinação judicial.

Os crimes objeto da investigação e previstos no Código Penal (CP) são a suposta prática de corrupção ativa, corrupção passiva, prevaricação, falsidade documental, crime sanitário e organização criminosa.

A investigação prosseguirá, para averiguar possíveis outros envolvidos e será concluída após a análise dos materiais eventualmente apreendidos durante a Operação Inopino.

Edição: Denise Griesinger

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias