Iata diz que 3,3 bilhões de pessoas viajaram de avião em 2014

Publicado em 05/02/2015 - 18:25 Por Da Agência Lusa - Genebra

Em 2014, 3,3 bilhões de pessoas viajaram de avião, o que representando aumento de 170 milhões em relação a 2013, informou hoje (5) a Associação Internacional do Transporte Aéreo (Iata).

O crescimento ocorreu principalmente por causa do aumento do número de passageiros registrados na Ásia-Pacífico e no Oriente Médio, com acréscimo de 11% no mercado interno chinês.

De acordo com a Iata, o mercado interno russo aumentou 9,8% em 2014, mas, com a economia em recessão, é esperado um declínio para este ano. Nos voos internacionais, o número de passageiros aumentou 6,1% em todo o mundo, a oferta cresceu 6,4% e a taxa de ocupação diminuiu 0,1%, alcançando 79,2%.

Nas companhias europeias, o número de passageiros subiu 5,7%, e a taxa de ocupação aingiu 81,6%. Nas companhias da América do Norte, o aumento de passageiros internacionais chegou a 3,1%, enquanto a taxa de ocupação foi para 81,7%.

Na região Ásia-Pacífico, houve crescimento de 5,8% e a taxa de ocupação fpi 76,9%. As empresas aéreas do Oriente Médio tiveram o maior aumento, 13%. Na África, o crescimento foi o mais fraco, apenas 0,9%, o que a Iata atribuiu à situação econômica e não à epidemia de ebola.

Edição: Nádia Franco

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Força Nacional de Segurança Pública atuará em Moçambique. Vinte bombeiros auxiliarão no resgate das vítimas do ciclone Idai que atingiu mais de 1,8 milhão de pessoas.
Geral

Bombeiros da Força Nacional vão combater incêndios em Mato Grosso

A Portaria 534/2020, assinada pelo ministro André Mendonça, atende pedido feito pelo governador Mauro Mendes e está publicada hoje no Diário Oficial da União. Equipe com 43 militares embarca nesta quarta-feira