Suíça lança ordem de captura internacional contra agressor da motosserra

Publicado em 25/07/2017 - 10:49 Por Da Agência EFE - Genebra

A Suíça emitiu nesta terça-feira (25) uma ordem de captura internacional para tentar deter o homem que agrediu ontem, com uma motosserra, duas pessoas na cidade de Schaffhausen, no Norte do país e próxima da fronteira com a Alemanha, e seu paradeiro segue desconhecido. As informações são da Agência EFE.

O homem, de 51 anos, e cuja identidade é conhecida dos serviços de segurança, fugiu após o ataque e segue desaparecido, mesmo com o grande dispositivo de segurança acionado para sua captura.

O indivíduo está sendo procurado intensamente tanto pela polícia cantonal de Schaffhausen, como pelas dos cantões vizinhos de Zurique e Thurgovie.

Os agentes suíços contam com a ajuda da polícia alemã, devido à proximidade de Schaffhausen com a fronteira do país vizinho.

Dos cinco agredidos, um foi ferido com gravidade e, após ser operado no hospital, permanece em observação, mas não corre risco de morte.

Esta vítima é um funcionário do plano de saúde privado CSS e, aparentemente, era o principal alvo do agressor, que era cliente da empresa, enquanto outro profissional da companhia foi ferido de forma leve e já deixou o hospital.

Outros dois clientes que se encontravam nos escritórios do CSS no momento da agressão sofreram choque pós-traumático, e uma quinta pessoa ficou ferida gravemente após a intervenção da polícia.

As forças de segurança divulgaram hoje pela manhã uma foto do agressor feita minutos antes de ele entrar nos escritórios da CSS, na qual é possível vê-lo portando uma grande bolsa de plástico, onde se supõe que estava a motosserra.

Após o ataque, o agressor fugiu com um carro, que pouco depois foi abandonado.

O homem já foi condenado duas vezes em 2014 e 2016 nos cantões de Berna e Lucerna, respectivamente, por violações da lei sobre armas.

O procurador que investiga o caso o definiu ontem como um "marginal" que vivia na floresta ultimamente.

A polícia suíça descartou ontem que a agressão tivesse qualquer relação com um ataque terrorista.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Andreia Reis/ Cinemateca Brasileira
Geral

Transferência de posse da Cinemateca foi concluída, afirma ministério

A Cinemateca Brasileira, dona do maior acervo audiovisual da América do Sul, deixa de ser administrada pela Fundação Roquette Pinto e passa a ser patrimônio da União.

dólar
Economia

Dólar supera R$5,40 e fecha no maior valor desde junho

Negociações foram afetadas por mercado externo, com estagnação no mercado de trabalho norte-americano e impasse nas discussões de novo pacote de estímulos nos EUA.

O ministro das Cidades, Alexandre Baldy, apresenta a versão digital do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVe).
Justiça

TRF2 nega soltura a secretário afastado de Transportes de São Paulo

Baldy teve prisão temporária decretada pela primeira instância da Justiça Federal no Rio na Operação Dardanários, que apura fraudes em contratações na área de Saúde

exame coronavirus COVID-19
Saúde

Covid-19 já causou mais de 14 mil mortes no estado do Rio

O número de pacientes que se recuperaram da covid-19 no estado do Rio chegou a 156.785. Estão em investigação 985 mortes por possível relação com o coronavírus.

 O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, anuncia a nova modalidade do programa Corujão da Saúde, durante entrevista à imprensa
Educação

Prefeito de SP diz que volta às aulas na capital não tem data definida

Segundo ele, o retorno presencial poderá ocorrer a partir de 7 outubro, mesma data definida para o retorno pelo governo do estado, nos meses seguintes, ou até em 2021.

Saúde

Amapá, Ceará e Rio de Janeiro seguem em alerta de uma segunda onda

O Boletim InfoGripe da Fiocruz indica que Amapá. Ceará e Rio de Janeiro mantêm o sinal de retomada do crescimento de novos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).