Japão protesta contra Coreia do Norte por colisão entre embarcações

Publicado em 08/10/2019 - 05:52 Por NHK* - Tóquio

O Japão apresentou protesto contra a Coreia do Norte em decorrência da colisão entre um de seus navios de patrulha e um barco de pesca norte-coreano, dentro da Zona Econômica Exclusiva do Japão.

As duas embarcações colidiram nessa segunda-feira(7) no Mar do Japão, ao largo da Península de Noto, na província de Ishikawa.

Os membros da tripulação do navio de patrulha da Agência de Recursos Marinhos do Japão informaram às autoridades que haviam avistado o que parecia ser um barco de pesca norte-coreano na Zona Econômica Exclusiva do Japão e advertiram para a violação, pedindo a retirada da embarcação. Eles afirmam que o barco de pesca então se aproximou subitamente, atingindo o navio japonês.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão apresentou protesto veemente contra a Coreia do Norte, por meio de um canal estabelecido entre as embaixadas dos dois países em Pequim, já que o Japão e a Coreia do Norte não mantêm relações diplomáticas.

Autoridades do ministério afirmam que a colisão é um incidente muito sério. Existe uma série de relatos sobre embarcações norte-coreanas que praticam pesca ilegal dentro da Zona Econômica Exclusiva do Japão.

Membros da tripulação da embarcação de patrulha resgataram os cerca de 60 marinheiros norte-coreanos, jogados ao mar após o barco ter afundado. Os norte-coreanos subiram a bordo de outro navio da Coreia do Norte que estava navegando na área.

O Partido Liberal Democrático do Japão pretende ouvir os funcionários de alto escalão da agência de pescas sobre os motivos que levaram a tripulação a transferir os marinheiros norte-coreanos resgatados para outra embarcação daquele país.

A agência descreveu o ato como medida normal, afirmando que a meta da patrulha é não permitir que barcos estrangeiros se envolvam em pesca ilegal em águas japonesas.

*Emissora pública de televisão do Japão

 

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Plantação de cana-de-açúcar, usada para produzir açúcar e etanol
Política

Brasil terá cota adicional na exportação de açúcar aos EUA

O presidente Jair Bolsonaro anunciou hoje (21), pelas redes sociais, que o Brasil terá uma cota adicional de 80 mil toneladas de açúcar para exportar aos Estados Unidos.