Equipes preparam saída de 41 trabalhadores presos em túnel na Índia

Eles estão há 17 dias presos e serão retirados um a um

Publicado em 28/11/2023 - 10:00 Por Lusa - Lisboa

Equipes de resgate concluíram hoje (28) os trabalhos de perfuração em um túnel em construção, no Norte da Índia, para iniciar a retirada, um a um, dos 41 trabalhadores que estão presos há 17 dias.

Segundo autoridades locais, foram instalados tubos de quase um metro de diâmetro que ligam a entrada do túnel na cidade de Silkyara, em Uttarakhand, à cavidade onde os trabalhadores se encontram.

Os trabalhadores estão presos no local desde 12 de novembro, quando um deslizamento de terras provocou a queda de uma parte do túnel de 4,5 quilômetros, a cerca de 200 metros da entrada.

As autoridades começaram a fornecer aos trabalhadores refeições quentes através de um tubo de 15,24 centímetros de diâmetro, no início da semana passada, depois de terem passado dias sobrevivendo com alimentos secos enviados através de um canal mais estreito.

Uttarakhand está repleto de templos hindus, e a construção de autoestradas e edifícios tem sido constante para acomodar o fluxo de peregrinos e turistas.

Este túnel faz parte da estrada Chardham, um projeto federal emblemático que liga vários locais de peregrinação hindu.

Últimas notícias