Alunos desenvolvem projetos inovadores para auxiliar pessoas com deficiência

Publicado em 19/10/2016 - 15:59 Por Flávia Albuquerque - Repórter da Agência Brasil - São Paulo

Um robô acionado por um aplicativo para smartphone e que funciona como guia na locomoção de deficientes visuais, conduzindo o usuário de maneira segura, é um dos projetos apresentados na 10ª Feira Tecnológica do Centro Paula Souza (Feteps), que começou hoje (19) e termina no dia 21. Os 210 projetos são baseados em conhecimentos adquiridos na sala de aula e têm como objetivo atender as necessidades de pessoas com deficiência e equacionar problemas ambientais, além de mostrar soluções criativas para o cotidiano.

São Paulo - Alunos das Escolas Técnicas e Faculdades de Tecnologia participam da 10 Feira Tecnológica do Centro Paula Souza, no Centro de Eventos Pro Magno (Rovena Rosa/Agência Brasil)

São Paulo - Alunos das Escolas Técnicas e Faculdades de Tecnologia participam da 10ª Feira Tecnológica do Centro Paula Souza, no Centro de Eventos Pro Magno (Rovena Rosa/Agência Brasil)Rovena Rosa/Agência Brasil

De acordo com o professor-orientador da equipe criadora do robô, Dalton Bochelli, a ideia é vender a prestação do serviço e não o robô. “Eles podem prestar o serviço para empresas como Metro, casa de espetáculo, shopping center, aeroporto, para fornecer acessibilidade aos usuários”, explicou. O projeto consiste em uma bengala com rodinhas e sensores que indicam os obstáculos no caminho. “O portador de deficiência baixaria o aplicativo para o seu celular e assim que ele entra no local o celular vibra avisando que há aquele serviço no local”.

Um dos idealizadores da bengala robô, Otávio Pellegrini Buscaratto, aluno de Automação Industrial na Faculdade de Tecnologia - Fatec Itaquera - Prof. Miguel Reale, explica que a bengala inteligente começa a funcionar quando a pessoa coloca o indicador em um sensor em sua ponta superior. “No caso do Metrô ele consegue seguir as linhas táteis, consegue identificar os locais por meio de um GPS do próprio metrô e por meio da vibração do celular ele identifica onde ele chegou”.

Meio ambiente

Voltado para a economia de água, o vaso sanitário inteligente reduz a água da descarga para 1,5 litro, utilizando pressurização com um jato de ar dentro do vaso sanitário. Segundo o orientador, Raphael Garcia Moreira, a equipe do curso de manutenção industrial da Faculdade de Tecnologia (Fatec) de Osasco, já está com a invenção patenteada e há duas empresas de grande porte interessadas em comercializar o produto, que tem um custo muito baixo para instalação.

“É preciso só trocar a tampa do vaso sanitário. Hoje se a pessoa for usar descarga com vácuo vai ter que trocar tubulação, vaso, fazer uma adaptação trabalhosa e cara na casa. Lembrando que cada pessoa em média dá cinco descargas por dia e em uma residência média de São Paulo há quatro pessoas. As caixas acopladas convencionais mais eficientes usam seis litros de água e com a nossa podemos economizar muito”, defendeu.

Para esta edição da Feteps foram inscritos 1.047 projetos de estudantes, dos quais foram selecionados 156 das Etecs e 39 de Fatecs, além de projetos de estudantes do Amazonas, Chile, Colômbia, México e Peru. No último dia da feira serão premiados os melhores trabalhos em cada categoria, seguindo critérios de inovação, criatividade e apresentação.

O texto foi alterado às 14h12 do dia 24 de outubro para correção da grafia do nome de Otávio Pellegrini Buscaratto e da instituição da qual é aluno: Faculdade de Tecnologia - Fatec Itaquera - Prof. Miguel Reale, e não Escola Técnica Estadual (Etec) de Itaquera

Edição: Amanda Cieglinski

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Teste rápido de COVID-19
Internacional

Coreia do Norte: 1º caso suspeito de covid-19 teve teste inconclusivo

Se confirmado, o caso seria o primeiro oficialmente reconhecido por autoridades norte-coreanas, embora a mídia reafirme que nenhuma infecção foi relatada no país até agora.

Incêndios florestais no DF
Geral

Defesa Civil reconhece situação de emergência em municípios de MS

A medida consta da Portaria nº 2.127, de 5 de agosto de 2020, da  Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, e atingem os municípios de Corumbá e Ladário.

Times Square, permanece relativamente tranquilas devido ao surto contínuo da doença por coronavírus (COVID-19) no bairro de Manhattan em Nova York
Internacional

Nova York reforça fiscalização de quarentena

O prefeito Bill de Blasio disse, em entrevista, que, em certas circunstâncias, as multas por não observar a ordem de quarentena podem chegar a US$ 10 mil. 

Médicos fazem treinamento no hospital de campanha para tratamento de covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera.
Saúde

Senai ensina indústrias a produzirem EPI contra novo coronavírus

Maioria das empresas selecionadas, 189 das 350, deve produzir máscaras de uso comum, e 33 ofertarão máscaras cirúrgicas. Estão previstas consultorias para a produção de escudos faciais.

Destruição provocada por explosão em Beirute
Internacional

Banco Mundial diz que está pronto para ajudar na recuperação do Líbano

Pelo menos 135 pessoas morreram e 5 mil ficaram feridas em forte explosão no porto de Beirute, na terça-feira (4), que também deixou cerca de 250 mil desabrigados. 

Bola, campeonato brasileiro
Esportes

Treze avança e garante clássico de Campina Grande na final paraibana

Galo da Borborema vence Botafogo no tempo normal e nas penalidades, e se garante na grande final da competição.