Rossetto discute reforma política com representantes da sociedade civil

Publicado em 04/02/2015 - 20:57 Por Marcelo Brandão - Repórter da Agência Brasil* - Brasília

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Miguel Rossetto, reuniu-se hoje (4), no Palácio do Planalto, com representantes sindicais, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e de movimentos sociais, na sequência de encontros com entidades da sociedade civil para tratar da reforma política.

Em nota, a Secretaria-Geral informou que Rossetto “reafirmou a importância da mobilização da sociedade civil diante da urgência da reforma política”, em que defende o fim do financiamento privado aos partidos e às campanhas eleitorais, “decisiva para a democracia e a sociedade brasileira”.

“Foi um primeiro diálogo. [O ministro] não colocou posições enquanto governo, foi mais de ouvir e entender as diferentes propostas que estão nesse tema”, explicou Paola Estrada, membro do Plebiscito por uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político, campanha que reúne diversas organizações para pautar o tema no Congresso Nacional.

Paola disse ainda que está marcado para o dia 12 de março um ato nacional pelo plebiscito, e que pretende “botar muita gente na rua”. Movimentos sociais já conseguiram 7,7 milhões de assinaturas, coletadas por cerca de 2 mil comitês populares distribuídos por todo o país.

No fim de janeiro, Rossetto iniciou a articulação sobre o tema com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). “Estou absolutamente seguro dessa urgência de iniciativas em relação à reforma política, que serão um tema tratado pelo Congresso Nacional com ampla participação da sociedade brasileira, e esta é uma agenda para 2015. Eu penso que, a partir de março, temos todas as condições para retomar o tema", avaliou o ministro na ocasião. Amanhã (5), Rossetto tem reunião marcada com o presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, Dom Raimundo Damasceno, para tratar do assunto.

Um movimento liderado pela OAB, com a participação de 102 entidades da sociedade civil, trabalha para alcançar, até lá, mais de 1,5 milhão de assinaturas, necessárias para viabilizar a apresentação do projeto de lei no Parlamento. O ex-presidente da OAB e presidente da Comissão Especial pela Reforma Política da entidade, Cezar Britto, disse que o projeto já tem 600 mil assinaturas de apoio popular, sendo 300 mil virtuais e 300 mil físicas.

* Colaborou Danilo Macedo
 

Edição: Jorge Wamburg

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Doleiro Dario Messer
Justiça

Doleiro Dario Messer fecha acordo judicial e vai devolver R$ 1 bilhão

De acordo com a força-tarefa da Lava Jato no Rio, o acordo permitirá a coleta de provas para investigações em andamento. Messer é suspeito de lavagem de dinheiro.

Medicamentos
Geral

Polícia apreende R$ 1 milhão em medicamentos desviados da rede pública

Foram apreendidas cerca de 800 caixas de remédio, muitos vencidos. Os agentes prenderam um homem acusado de integrar a quadrilha especializada neste tipo de crime.

Testes para detecção do Covid-19
Saúde

Covid-19: Brasil tem 104 mil mortes e 3,16 milhões de casos acumulados

Boletim do Ministério da Saúde revela que 2.309.477 pessoas se recuperaram da covid-19 desde o começo da pandemia. 

psg neymar
Esportes

PSG vence Atalanta no fim e vai à semifinal da Liga dos Campeões

Brasileiro Neymar tem atuação decisiva, participando diretamente dos dois gols da equipe da capital francesa.

Geral

PF fecha dois bingos clandestinos no centro do Rio de Janeiro

Em um dos endereços, localizado na zona portuária, foram apreendidas 30 máquinas caça níqueis. Em outro local, na Cinelândia, foram apreendidas outras 24 máquinas.

O presidente Jair Bolsonaro faz  declaração à imprensa na área externa do Palácio da Alvorada
Política

Bolsonaro, Maia e Alcolumbre defendem teto de gastos em pronunciamento

"Resolvemos, então, com essa reunião, direcionar mais ainda nossas forças para o bem comum daquilo que todos nós defendemos", disse o presidente Jair Bolsonaro.