Feriado de Finados foi diferente com cemitérios fechados

Mas o dia foi marcado por homenagens às vítimas de covid-19

Publicado em 02/11/2020 - 15:00 Por Dayana Vítor - Brasília

O novo coronavírus mudou a Páscoa, o Dia das Mães, dos Pais, das Crianças. E não seria diferente com o Dia de Finados.Por causa do risco de contaminação, muitos cemitérios pelo Brasil afora não funcionaram, como nas capitais Belo Horizonte, Manaus e Macapá.

Nos locais em que os portões foram abertos, as regras de distanciamento e de higiene estão mantidas. Foi o caso de um cemitério em São Paulo, que realizou a medição da temperatura logo na entrada.

Para evitar aglomerações, vários cemitérios abriram às 7h e vão fechar às 19h. Isso ocorreu nas capitais Porto Alegre, Fortaleza, Belém e aqui do Distrito Federal.

A dona de casa, Lídia Rosa, perdeu dois filhos que tinham uma doença rara e nunca deixa de ir rezar por eles. Ela foi a um dos cemitérios do DF, com todos os cuidados para não ser contaminada pelo novo coronavírus.

Já o servidor público, Ismael Barão, optou por não ir ao cemitério e resolver fazer suas orações em casa mesmo. Além das homenagens nos cemitérios e em casa, os mortos também foram lembrados em um ato em São Paulo.

Por volta do meio dia, ambulâncias da Secretaria de Saúde tocaram as sirenes por um minuto, no monumento Luiz Gama, no Largo do Arouche, na capital paulista, para homenagear as mais de 39 mil mortes pelo novo coronavírus no estado. Além disso, vários monumentos da cidade estão com faixas pretas em luto, por tantas vidas perdidas para a covid-19.

No Rio de Janeiro, Paraná e no Amazonas, mudas de árvores foram plantadas, por causa de campanha da CNBB, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - para lembrar os mortos e as mais de 160 mil pessoas perderam a vida, por causa do novo coronavírus.

Edição: Joana Lima

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Programa Caixa Mais Brasil chega à 100ª edição neste sábado

Durante este fim de semana, a Caixa Econômica Federal promove mais uma edição do programa Caixa Mais Brasil.

Baixar arquivo
Geral

Covid-19: projeto no DF oferece apoio psicológico a enlutados

Lidar com a morte é um processo doloroso. E desde o início da pandemia do coronavírus, por causa das medidas de segurança e distanciamento social, nem sempre quem perde um ente querido encontra uma rede de apoio para enfrentar esse momento.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Pandemia coloca 9 milhões de crianças em risco de trabalho infantil

Os dados estão no relatório do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) publicado para marcar o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, celebrado neste sábado, 12 de junho

Baixar arquivo
Saúde

Estado do Rio de Janeiro permanece com risco moderado para covid-19

O Mapa de Risco Covid-19 manteve a classificação geral na bandeira laranja, mas segundo o estudo, houve melhora no cenário epidemiológico em seis regiões.

Baixar arquivo
Saúde

Fiocruz recebe insumo para a produção de 6 milhões de doses da vacina

A Fiocruz recebe neste sábado (12) mais um lote de IFA para a produção da vacina contra a covid-19. O insumo deverá desembarcar no final da tarde no Rio de Janeiro.

Baixar arquivo
Saúde

SUS vai oferecer exame rápido para detecção de meningite criptocócica

O teste que detecta fungos que atacam o sistema nervoso foi incorporado ao SUS e publicado nesta sexta-feira (11).

Baixar arquivo