Mostra celebra 100 anos da pioneira Rádio Sociedade do Rio de Janeiro

Publicado em 13/08/2023 - 08:53 Por Fabiana Sampaio - repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

Com Informações educativas, culturais e científicas para população, há 100 anos a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro fez história ao marcar seu pioneirismo não apenas como primeira emissora de rádio do país, mas também na divulgação científica no Brasil.

E sua trajetória vai poder ser explorada de perto na mostra “Rádio Sociedade: 100 anos de rádio no Brasil”, que entra em cartaz nesta terça-feira (15), na Casa da Ciência da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Desde o seu nascimento, em abril de 2023, a Sociedade do Rio de Janeiro esteve ligada à ciência. Ela foi criada por um movimento de cientistas e intelectuais da Academia Brasileira de Ciências, sob a liderança do pai da radiodifusão brasileira, o cientista, educador e antropólogo Edgard Roquette-Pinto.

A exposição passeia pelos 13 anos em que a emissora esteve no ar, com marcos históricos, como a visita do cientista alemão Albert Einstein, em 1925, que transmitiu em viva voz sua admiração pelos esplêndidos resultados da ciência aliada à técnica. E passa também pela continuidade da sua história, com a sua herdeira, a Rádio MEC.

Em 1936, a Sociedade do Rio de Janeiro foi doada ao governo e passou a se chamar Rádio Ministério de Educação. A emissora, atualmente disponível nas faixas AM e FM, é um dos veículos da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), e uma das responsáveis pela exposição, junto com a Casa da Ciência da UFRJ e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Do valioso acervo da Rádio MEC, que guarda toda a história da Rádio Sociedade, saíram objetos, áudios, fotos e textos históricos que compõem a mostra. A exposição conta ainda com atividades educativas e interativas.

O gerente-executivo das Rádios EBC, Thiago Regotto, destacou a importância de disponibilizar esse material único para o publico.

Thiago Regotto avalia que o legado da Rádio Sociedade do Rio de Janeiro continua vivo e refletido em várias iniciativas de comunicação pública no país.

A exposição conta com recursos de acessibilidade para pessoas surdas ou com deficiência visual, como audiodescrição e caderno em braile.

A mostra fica em cartaz até dia 8 de outubro, com visitação gratuita, de terça-feira a domingo, na Casa da Ciência, em Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro.

Edição: Raquel Mariano/ Sumaia Villela

Últimas notícias
Política

Lula assina demarcação de terras indígenas

Uma das terras indígenas demarcadas é em Aldeia Velha (BA). E a outra é em Cacique Fontoura (MG).

Baixar arquivo
Economia

Haddad antecipa volta ao Brasil e mira pautas econômicas no Congresso

Após participar da 2ª Reunião de Ministros da Fazenda e Presidentes de Bancos Centrais do G20, o ministro brasileiro ainda teria agenda com FMI, Banco Mundial e representantes europeus para assuntos econômicos. 

Baixar arquivo
Saúde

Gestores locais vão decidir sobre ampliação da vacina contra a dengue

O esforço é para que não se perca as doses que vencem dia 30 de abril. A ministra da Saúde, Nísia Trindade, faz apelo para que as famílias levem as crianças e adolescentes aos postos de vacinação. E confirmou que a segunda dose está garantida, para quem tomou a primeira.  

Baixar arquivo
Geral

Mulher que levou morto a banco permanecerá em prisão preventiva

Juíza considerou a gravidade da conduta, o que justificaria a prisão preventiva. A mulher alega que o tio estava vivo quando chegou ao banco, o que é desmentido pelo SAMU.  

Baixar arquivo
Internacional

G20: Haddad cobra recursos dos países para desenvolvimento sustentável

O ministro da fazenda lembrou que os países assumiram compromissos da Agenda 2030 da ONU. Entre eles, o combate à fome e a limitação do aumento da temperatura do planeta.

Baixar arquivo
Cultura

Dia Nacional do Livro Infantil: páginas de diversidade e liberdade

Os escritores Yaguarê Yamã e Priscila Obací contam como viraram escritores de livros infantis e sobre a responsabilidade de dar visibilidade às culturas indígena e negra na infância. 

Baixar arquivo