Placas no Cais do Valongo vão indicar marcos da memória africana

Publicado em 30/11/2023 - 17:15 Por Carolina Pessoa - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

A memória de africanos escravizados no Brasil passa a ser reforçada em um novo projeto de sinalização e reconhecimento lançado nesta quinta-feira (30) pelo Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania, no Cais do Valongo, no Rio de Janeiro.  

O projeto, chamado “Sinalização e Reconhecimento de Lugares de Memória dos Africanos Escravizados no Brasil”, tem como objetivo dar visibilidade à história da matriz africana e afixar placas nos locais que representam a presença africana no país comprovada por registro histórico. As indicações vão desde portos, igrejas, praças, terreiros de candomblé, quilombos, passando lugares onde ocorreram movimentos de resistência, até manifestações culturais.  

O ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania do Brasil, Silvio Almeida, ressaltou que a sinalização é um importante registro de memória, mas apenas um passo para a construção de um país melhor.  

“Um ato de memória não se encerra com a placa. A placa só serve para lembrar uma coisa. Que nós temos que continuar lutando e fazendo por este país. Toda a vez que a gente passar na frente de uma placa dessa a gente vai ter que lembrar que há muito ainda por fazer nesse país, que nós temos que lutar para mudar as instituições políticas, lutar para mudar a economia deste país, e lutar para fazer deste país um país digno de seu povo, um país decente”.  

A ministra da Igualdade Racial Anielle Franco ressaltou a importância do projeto.  

“O que a gente está fazendo aqui hoje, com a sinalização e reconhecimento do Cais do Valongo, um dos mais importantes lugares da memória dos africanos escravizados do Brasil, é recuperar a história do Brasil e descortinar essa visão que retira dos livros e de monumentos públicos a contribuição de negras e negros para erguer a nação brasileira”.  

A iniciativa conta com uma segunda etapa, de disseminação por meio de plataformas digitais e a educação e cultura em direitos humanos. 

O projeto é uma parceria com a UNESCO e os Ministérios da Igualdade Racial, Ministério da Educação e Ministério da Cultura, com apoio do Laboratório de História Oral e Imagem da Universidade Federal Fluminense e da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, a Unesco. Patrimônio Cultural da Humanidade, o Cais do Valongo foi o segundo maior porto de desembarque de africanos escravizados das Américas.  

Edição: Nádia Faggiani / Alessandra Esteves

Últimas notícias
Cultura

Choro é reconhecido como Patrimônio Cultural do Brasil

Representado por músicas como Carinhoso, de Pixinguinha, e Brasileirinho, de Waldir Azevedo, entre tantas outras, o choro é um gênero genuinamente brasileiro. E, para o músico Marcio Marinho, talvez seja o gênero que "dê mais fisionomia" ao nosso povo

Baixar arquivo
Educação

MEC divulga lista dos pré-selecionados na segunda chamada do Prouni

O Ministério da Educação (MEC) divulgou neste sábado (2) a lista dos candidatos pré-selecionados na segunda chamada do Programa Universidade para Todos (Prouni) de 2024. A lista está disponível no Portal Único de Acesso ao Ensino Superior.

Baixar arquivo
Economia

Zona Franca de Manaus terá R$1,2 bilhão em investimentos

A Zona Franca de Manaus vai receber mais de R$1 bilhão em investimentos. Esse montante é referente a 33 projetos que foram aprovados na última reunião do Conselho de Administração da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), liderada pelo presidente da República em exercício, Geraldo Alckmin.

Baixar arquivo
Economia

Mutirão do Desenrola Brasil reunirá mais de 700 empresas

Mais de 700 empresas participarão do mutirão de negociação de dívidas do programa Desenrola Brasil, que começa nesta segunda-feira (4). A iniciativa vai permitir que muita gente tenha mais facilidade para pagar seus débitos com bancos, financeiras, lojas varejistas, operadoras de telefonia, concessionárias de água e energia, e outros empreendimentos.

Baixar arquivo
Internacional

Estudo sugere que Brasil diversifique parcerias no setor de defesa

Um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) sugere que o Brasil reduza o peso dos Estados Unidos no setor de defesa e aumente parcerias com outras potências.

Baixar arquivo
Saúde

Dia D mobiliza o país contra focos do mosquito transmissor da dengue

Hoje (2) é o Dia D de mobilização contra a dengue em todo o país. O mutirão nacional, realizado pelo Ministério da Saúde, reúne as três esferas de governo, e chama toda a população para reforçar as ações de prevenção e eliminação dos focos do mosquito transmissor da doença.

Baixar arquivo