Cenário energético vai permanecer sensível até novembro, aponta ONS

ONS entende não haver risco de desabastecimento no Brasil

Publicado em 24/07/2021 - 14:54 Por Rimack Souto - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) atualizou as previsões para o atendimento de energia ao Brasil até novembro, quando inicia o período de chuvas em algumas regiões do país. De acordo com o levantamento, o cenário energético vai permanecer sensível.

O estudo considerou um aumento das atividades de comércio e serviços daqui para a frente, o que aumenta também a demanda de energia justamente em um período de seca e de baixa nos reservatórios. Mesmo assim, o ONS entende não haver risco de desabastecimento no Brasil.

Foram traçados dois cenários. No primeiro, há previsão de acionamento do Parque Termoelétrico de forma moderada. Já no segundo prevê um cenário mais crítico do ponto de vista energético: as térmicas seriam mais acionadas e com a possibilidade de importação de energia de países vizinhos. Vale lembrar que o acionamento de usinas termoelétricas faz a conta de luz ficar mais cara.

Mesmo com o levantamento indicando que até o fim de 2021 a situação permanecerá sensível, o Operador Nacional do Sistema Elétrico informou que está acompanhando as ações para aumentar a oferta das fontes de energia.

Edição: Renata Batista

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Esportes

CRB e Vasco ficam no empate pela Série B

CRB e Vasco empataram em 1 a 1. Cruzeiro e Operário (PR) também ficaram no 1 a 1. O Remo venceu o Avaí por 2 a 1.

Baixar arquivo
Saúde

Ministério da Saúde muda recomendação sobre vacinação de adolescentes

Porém, os conselhos que representam os secretários estaduais e municipais de Saúde defenderam a continuidade da vacinação na faixa etária de 12 a 17 anos e disseram que não foram consultados sobre a mudança. Para eles, a decisão não tem base técnica e científica, e coloca em risco a principal ação de controle da pandemia, que é a vacinação.

Baixar arquivo
Geral

Começam as celebrações da Semana Nacional do Transito

No Distrito Federal, as atividades começam um dia antes, nesta sexta-feira, no Museu da República. Estão previstas palestras com foco na segurança no trânsito, atividades com jogos educativos e apresentações artísticas.

Baixar arquivo
Saúde

Fiocruz entrega 2,1 milhões de vacinas ao Ministério da Saúde

A Fiocruz voltou fornecer os  imunizantes na segunda-feira, após duas semana de interrupção devido a atraso na entrega do Ingrediente Farmacêutico Ativo, que é importado da China.

Baixar arquivo
Saúde

OMS: Cuidado materno é tema do Dia Mundial da Segurança do Paciente

O cuidado materno e neonatal seguro é o tema escolhido pela Organização Mundial de Saúde para o Dia Mundial da Segurança do Paciente 2021, comemorado nesta sexta-feira, dia 17.

Baixar arquivo
Economia

Caixa vai reduzir juros para financiamento da casa própria

Banco público anunciou redução de 0,4% na taxa de juros da linha de crédito imobiliário atrelada à poupança. A partir da mudança, será possível contratar financiamento pela modalidade com juros a partir de 2,95% ao ano, somadas à remuneração da caderneta. 

Baixar arquivo