Escolas particulares do DF retomam aulas presenciais durante pandemia

Pais ainda se preocupam com contaminação pelo coronavírus

Publicado em 18/09/2020 - 12:02 Por Bianca Paiva - Brasília

Insegurança. É a sensação que muitos pais têm com a retomada das aulas presenciais durante a pandemia da covid-19. Na próxima segunda-feira (21), no Distrito Federal, as instituições particulares já poderão receber estudantes da Educação Infantil e Ensino Fundamental I até o quinto ano.

A servidora pública Marli Montenegro decidiu não levar a filha de 9 anos de volta ao ambiente escolar neste momento. Além do medo das reações do novo coronavírus na saúde das crianças, ela acredita que os pequenos vão ter dificuldade de se adaptar às regras de distanciamento social.

Os professores também não estão seguros com a volta do trabalho em sala de aula, segundo o diretor jurídico do Sinproep, Sindicato dos Professores em Estabelecimentos Particulares de Ensino do Distrito Federal, Rodrigo de Paula.

O principal motivo é que as escolas não têm a obrigação de testar todos os docentes, conforme decisão judicial. Rodrigo diz ainda que o Sindicato vai fiscalizar o cumprimento dos protocolos sanitários pelas instituições de ensino.

Para retomar as aulas presenciais na próxima semana, as escolas particulares se comprometeram, em acordo firmado em audiência de conciliação na justiça do trabalho, a adotar protocolos sanitários de prevenção à covid-19.

Mas os pais têm o direito de não mandar os filhos de volta. E algumas unidades vão esperar um pouco mais para reabrir. Simone Morais é representante de uma instituição privada do DF que adiou o retorno para outubro.

O diretor científico da Sociedade de Infectologia do Distrito Federal, José Davi Urbaez, afirma que é fundamental que as instituições adotem de forma rigorosa as medidas de distanciamento social e os protocolos sanitários. Ele também defende a testagem frequente de todos alunos e profissionais das escolas. Mesmo assim, o infectologista considera que a incidência de casos novos no DF ainda é alta para a reabertura.

Para os pais que se sentem inseguros com as aulas presenciais, as escolas particulares deverão manter o ensino remoto. Também haverá a possibilidade de alternar o ensino em casa com o ensino na instituição para evitar aglomerações. Em algumas unidades, as aulas vão ser transmitidas ao vivo para quem estiver em casa.

Conforme o cronograma de volta às aulas, os estudantes do Ensino Fundamental II poderão retornar no dia de 19 de outubro; e aqueles do Ensino Médio e Profissionalizante no dia 26 do mesmo mês.

 

* Produção: Rosemary Cavalcanti

Edição: Mirna Ledo

Últimas notícias
Saúde

OMS abre consulta para mudar nome da varíola dos macacos

A nomeação das espécies de vírus é de responsabilidades do Comitê Internacional de Taxonomia de vírus

Baixar arquivo
Saúde

Diabetes gestacional pode trazer mais riscos na hora do parto

O problema ocorre devido a mudanças hormonais que a mulher sofre durante a gestação

Baixar arquivo
Justiça

Termina quinta-feira o prazo para requerer voto em transito

Podem requerer o benefício os eleitores que não poderão estar no domicílio eleitoral no dia da votação, que será em 2 de outubro, para o primeiro turno; e 30 de outubro, onde houver segundo turno.

Baixar arquivo
Política

Eleições 2022: enquetes e sondagens estão proibidas

O tribunal define enquete ou sondagem como levantamento de opiniões sem a utilização de um método científico

Baixar arquivo
Educação

Prouni 2022: prazo para documentação vai até 24 de agosto

A apresentação da documentação pode ser feita presencialmente ou virtualmente a depender da instituição de ensino

Baixar arquivo
Pesquisa e Inovação

Exoesqueleto robótico auxilia a recuperação do movimento das pernas

A ideia do ExoTAO é o de ser uma órtese inteligente, um exoesqueleto robótico que ajude pessoas que perderam o movimento das pernas a recuperarem a capacidade de locomoção.

Baixar arquivo