Enem 2020: abstenção supera o 1º dia de prova e chega a 55,3%

Antes da pandemia, a média histórica de falta ao Enem era de 27%

Publicado em 25/01/2021 - 08:11 Por Lucas Pordeus León - Brasília

A abstenção cresceu ainda mais neste domingo (24) em comparação com o domingo passado. No segundo dia de prova, 55,3% dos mais de 5,5 milhões de inscritos não compareceram ao Enem, contra 51% de abstenção no primeiro dia de prova. A média histórica de abstenção no exame, segundo o Inep, é de cerca de 27%.

O presidente do Inep, Alexandre Lopes, disse que o importante é garantir a oportunidade de fazer a prova, apesar da abstenção ter sido mais alta que o esperado.  

Ao contrário do domingo passado, quando 37 escolas em 11 cidades registraram problemas com lotação de salas, neste domingo o Inep não identificou esse tipo de problema. 

Ainda neste domingo 1.274 participantes foram eliminados por descumprirem as regras do exame e 14 emergências médicas foram registradas em todo o país, o que fez o Inep considerar que o dia de prova foi tranquilo.

Os participantes que não conseguiram fazer a prova por problemas de logística, como lotação de sala ou falta de luz no momento do exame, podem solicitar para fazer a reaplicação do Enem nos dias 23 e 24 de fevereiro. Basta entrar na página do participante do Enem na internet e fazer a solicitação a partir desta segunda-feira (25), até o dia 29 de janeiro.

Neste ano, por conta da pandemia, também poderão pedir a reaplicação da prova os estudantes que foram diagnosticados ou tiveram sintomas no dia da prova de doenças infectocontagiosas, incluindo a c ovid-19, como explicou o presidente do INEP, Alexandre Lopes.

Os resultados sobre o pedido de reaplicação serão divulgados no dia 12 de fevereiro. Segundo o Inep, até o momento, mais de 18 mil candidatos solicitaram a reaplicação por conta de doenças infectocontagiosas. 

 

Últimas notícias
Geral

Ministro de Minas e Energia descarta risco de apagão no país

Bento Albuquerque disse que o país atravessa a pior crise hídrica dos últimos 90 anos, com falta de chuvas nos principais reservatórios, mas setor elétrico soube trabalhar para superar o problema.

Baixar arquivo
Saúde

Cidades de São Paulo cancelam carnaval de 2022

São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e Santo André decidiram cancelar o carnaval do ano que vem com receio do aumento de casos da variante Ômicron. 

Baixar arquivo
Economia

Fecomércio lamenta cancelamento do Réveillon no Rio de Janeiro

O presidente da Fecomércio reconheceu a importância do evento para setores fundamentais da economia, mas admitiu os riscos que a nova variante do coronavírus representariam em uma celebração desse porte.

Baixar arquivo
Saúde

Festa de Réveillon em Copacabana, no Rio de Janeiro, é cancelada

O fator predominante para cancelar o evento é o risco que representaria, diante do avanço em vários países da nova variante do coronavírus. A Ômicron já tem casos confirmados também no Brasil, por enquanto em pessoas que chegaram do exterior.

Baixar arquivo
Cultura

Bienal do Livro festeja reencontro de autores e público

Este ano, a festa literária faz homenagem a Zuenir Ventura. Na programação do fim de semana, debates sobre juventude, poesia, sustentabilidade, cultura geek e pop, saúde mental, e tendências do mercado literário.

Baixar arquivo
Cultura

Orquestra Maré do Amanhã se apresenta no Jardim Botânico

Criado em agosto de 2010, o projeto Orquestra Maré do Amanhã leva música clássica a crianças e adolescentes, moradores do Complexo de Favelas, considerado um dos maiores da zona norte carioca. 

Baixar arquivo