Niterói classifica educação como atividade essencial

Com isso, escolas poderão funcionar e ano letivo deve começar em março

Publicado em 20/01/2021 - 12:50 Por Cristiane Ribeiro - Rio de Janeiro

A prefeitura de Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro, reposicionou a educação como atividade essencial na cidade. Significa que as escolas poderão funcionar e o ano letivo está previsto para começar em março.

A medida, que será publicada no Diário Oficial do município nos próximos dias, tem que acompanhar o avanço, ou não, da pandemia de covid-19 na cidade e só vale a partir do sinal laranja.

Com o sinal amarelo, além do ensino médio e do fundamental, a autorização vale para a educação infantil. Em Niterói, o avanço da pandemia é monitorado pelas cores verde, amarelo, laranja e vermelho, o mais grave. Segundo a prefeitura, atualmente a cidade está no nível amarelo.

O secretário municipal de Saúde, Rodrigo Oliveira, destacou que a revisão do plano de transição gradual do novo normal foi concluída na semana passada.

Estudos mostraram que as preocupações do início da pandemia, sobre a transmissão da doença pelas crianças, não se confirmaram.

Ele lembrou que as aulas do ensino médio no município foram retomadas em setembro de 2020 e que não houve registro de surtos de covid-19.

O secretário de Educação de Niterói, Vinícius Wu, ressaltou que não há orientação para reabertura imediata das escolas. No caso da rede pública, a retomada das atividades ainda será discutida com o Sindicato dos Professores, OAB, Ministério Público e representantes da sociedade civil.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Plano Safra terá mais de R$ 251 bilhões em créditos para produtores

O Plano Safra 2021/2022 terá mais de R$ 251 bilhões em créditos para produtores rurais, o que representa alta de 6,3% em relação à edição anterior.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Crise e desemprego atinge de forma drástica migrantes e refugiados

Crise econômica e desemprego atingiram em cheio migrantes e refugiados. Dados do IBGE mostram que o desemprego no Brasil passou de 14% no primeiro trimestre e atingiu o recorde de 14 milhões e 800 mil brasileiros. Mas, para Gisele Netto, do Acnur, o cenário é pior para os refugiados.

Baixar arquivo
Economia

Dólar cai e fecha abaixo de R$ 5 pela primeira vez em mais de um ano

Influenciado pela perspectiva de aumento de juros no Brasil  a moeda norte americana fechou abaixo de R$ 5 pela primeira vez em mais de um ano. O dólar comercial fechou esta terça-feira (22) vendido a R$ 4,966, com recuo de R$ 0,057.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Coletivo de mães solo ajudam mulheres que cuidam dos filhos sozinhas

Um Coletivo criado por mães solo vem ajudando mulheres que cuidam sozinhas dos filhos em meio à pandemia de coronavírus. Quem quiser colaborar pode entrar em contato pelo site www.coletivomaternidadesolo.com.br

Baixar arquivo
Geral

CNC vai levar propostas sobre o Turismo para os candidatos em 2022

Oferecer alternativas para impulsionar o setor turístico brasileiro, que foi fortemente afetado pela pandemia da covid-19. Essa é a proposta do Projeto Vai Turismo. A iniciativa pretende elaborar orientações aos candidatos ao poder executivo, nas eleições de 2022, estaduais e nacional.

Baixar arquivo
Esportes

Maratonista brasileiro treina no Quênia para Jogos de Tóquio

Daniel está em Iten desde o último dia 6 e lá permanecerá até o embarque para a Olimpíada de Tóquio. Em maio, o paulista de apenas 22 anos já havia passado duas semanas no Quênia, com o técnico Neto Gonçalves, preparando-se para a primeira maratona da carreira, em Lima, no Peru.

Baixar arquivo