Aulas 100% presenciais começam na rede estadual de São Paulo

Alunos ainda estão em sistema de rodízio em boa parte das unidades

Publicado em 18/10/2021 - 14:45 Por Nelson Lin* - Repórter da Rádio Nacional - São Paulo

Nesta segunda-feira (18) começou a obrigatoriedade das aulas 100% presenciais nas escolas estaduais do estado de São Paulo. Mas ainda em sistema de rodízio de estudantes, na maioria das unidades escolares, uma vez que a distância de um metro entre carteiras permanece e apenas 24% das escolas aqui no estado teriam condições do retorno de 100% dos estudantes ao mesmo tempo.

Na Escola Estadual Cesar Martinez, na zona sul de SP, as aulas começaram cedo, às 7h. Todos os estudantes e professores com máscara e as salas de aula com espaçamento de uma carteira entre os estudantes.

A aluna Eduarda Santos Pereira, de 9 anos, falou que prefere muito mais estar na escola do que estudar em casa.

Essa é uma das etapas para o retorno às aulas presenciais com todos os estudantes, pois a partir de 3 de novembro deixará de existir a distância mínima de um metro. Nas escolas da prefeitura o distanciamento mínimo deixará de ser obrigatório na segunda-feira que vem (25).

A produtora Michelle Gomes falou que haverá reunião entre a diretoria e pais na escola de seu filho Malyk nesta terça onde haverá definição do retorno 100% presencial. Ela disse também que o menino tem gostado muito de ir na escola e que pretende ir todos os dias quando houver essa definição.

Mas para Thalita Pires, mãe e integrante do movimento Famílias pela Vida, não houve diálogo entre o estado e os pais a respeito do retorno obrigatório. Para o movimento, a pandemia não está controlada e lembrou ainda que houve aumento de internação de crianças com síndrome respiratória aguda grave este ano. Por isso, o movimento vai reivindicar junto à secretaria de educação que não seja obrigatório o retorno 100% presencial se houverem famílias que preferirem o sistema híbrido ou remoto. 

Lembrando que pelas regras atuais do governo do estado de São Paulo, só poderão permanecer em ensino remoto aqueles estudantes que apresentarem atestados médicos comprovando situação de risco 

* Com produção de Michelle Moreira.

Edição: Leila Santos/ Renata Batista

Últimas notícias
Geral

Seaster lança pesquisa sobre tráfico de pessoas no Pará

Os resultados da pesquisa são inéditos e auxiliam na identificação de medidas para combater a expansão do tráfico de pessoas no estado

Baixar arquivo
Economia

Inflação para os mais pobres sobe quase 1% em novembro

De acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira pela FGV, as pressões para essa alta vieram dos aumentos nos itens alimentação, energia elétrica e combustíveis.

Baixar arquivo
Saúde

Rio instala tenda para atender casos de gripe em Botafogo

Esta é a terceira inauguração dentro do plano de contingência da secretaria de Saúde. Somente na última semana, a procura por atendimentos em todo o estado, aumentou 400%.

Baixar arquivo
Geral

Vale do Anhangabaú é reaberto hoje ao público

O consórcio Viva o Vale, empresa que ganhou a concessão por 10 anos, assumirá o local a partir de hoje para administrar e cuidar da manutenção.

Baixar arquivo
Geral

Tarifa Social: Aneel regulamenta inclusão automática de beneficiários

O programa beneficia atualmente cerca de 12 milhões de famílias beneficiadas pela tarifa; a expectativa do governo é que mais de 11 milhões tenham acesso ao benefício.

Baixar arquivo