Unesp expulsa estudantes que aplicaram trote violento no ano passado

Publicado em 08/01/2024 - 14:02 Por Leandro Martins - Repórter da Rádio Nacional - São Paulo

Quatro alunos acusados de aplicar um trote violento contra uma universitária de 21 anos foram expulsos da Faculdade de Engenharia e Ciências da Universidade Estadual Paulista, a Unesp. Outros quatro estudantes foram suspensos por 120 dias e um nono investigado, por 45 dias. 

O caso aconteceu em julho do ano passado, mas a divulgação das punições dos envolvidos foi feita no dia 2 deste mês. O trote foi assim: a aluna do curso de Engenharia Civil do campus de Guaratinguetá, interior de São Paulo, teria que cumprir uma série de obrigações impostas pelos veteranos. Uma delas era fazer séries de flexões. Como ela não conseguiu, foi obrigada a consumir bebidas alcoólicas, misturadas com mostarda, sal, vinagre e pimenta.  

A jovem passou mal, foi levada de ambulância a uma UPA, e depois transferida para a Santa Casa de Guaratinguetá. Lá, onde chegou em estado grave, teve que ser entubada. Ela ficou cinco dias internada, quatro deles na UTI. Depois da alta, ela deixou a universidade e denunciou a violência. 

Segundo nota da Unesp, além das medidas administrativas da instituição, contra os alunos, um inquérito policial vai apurar o crime de lesão corporal grave, atribuído aos sete alunos que teriam participado do trote. A Universidade informou ainda que serão criadas campanhas permanentes de conscientização e combate ao trote. 

A Polícia Civil apura o caso, mas não divulgou os nomes dos estudantes envolvidos. 

Edição: Ana Lúcia Caldas/Edgard Matsuki

Últimas notícias
Esportes

Futebol: CBF sorteia duelos da 3ª fase da Copa do Brasil

Confira também os jogos da 2ª rodada do Brasileirão. Rádio Nacional transmite Flamengo x São Paulo, às 21h30, nesta quarta-feira (17). 

Baixar arquivo
Geral

Polícia investiga o caso da mulher que levou cadáver do tio ao banco

Funcionários do banco desconfiaram que o homem estava morto na cadeira de rodas e chamaram o SAMU, que confirmou o óbito. O caso aconteceu em Bangu, no Rio de Janeiro.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Povo Guató cobra espaço nas discussões sobre o Estatuto do Pantanal

Em participação numa audiência do Senado, o cacique Carlos Henrique, da aldeia Aterradinho, pediu que o estatuto tenha “um olhar mais direito à população pantaneira, que sãos os indígenas e ribeirinhos”. Os Guatós pedem que o estatuto inclua estudos antropológicos para a regularização fundiária.

Baixar arquivo
Geral

Governo retoma Conselho Nacional de Política Indigenista

O colegiado foi fechado em 2019 no governo de Jair Bolsonaro. 

Baixar arquivo
Geral

Inmet prevê frente fria no Sul do Brasil nos próximos dias

Em São Paulo, a temperatura vai cair, também, a partir desta quinta (18), com chance de chuvas e alagamentos.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Répteis de solo arenoso serão extintos com aumento de temperaturas

É o que aponta um estudo do Instituto de Biologia da Unicamp Universidade Estadual de Campinas. O resultado da análise mostra que, em 2040, mesmo com níveis moderados de gases de efeito estufa, o lagarto do rabo vermelho vai deixar de existir.

Baixar arquivo