R$ 200 milhões em crédito são liberados para negócios turísticos afetados por óleo

Afetados por óleo

Publicado em 25/10/2019 - 17:38 Por Kariane Costa - Brasília

O Ministério do Turismo liberou R$ 200 milhões em linhas de crédito do Fundo Geral do Turismo para as regiões do litoral nordestino atingidas pelo vazamento de óleo.


O recurso é destinado a pequenos empreendimentos turísticos que possam enfrentar dificuldades em uma possível paralisação ou redução das atividades turísticas na região.


Segundo o ministro Marcelo Álvaro, as condições para pagamento do empréstimo e os prazos vão ser melhores do que os oferecidos em outras linhas para ajudar pequenos empreendimentos.


O empréstimo será liberado pelos bancos da Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Estado de Sergipe.


O Ministério do Turismo informou ainda que o edital para credenciar novos agentes financeiros, especialmente para atendimento à região afetada, será publicado nos próximos dias.


Nessa quinta-feira, o então presidente em exercício, Davi Alcolumbre, anunciou uma Medida Provisória para liberar recursos para prefeituras e governos estaduais afetados pelo desastre ambiental causado pelas manchas de óleo, e também a extensão, em mais 2 meses, do seguro-defeso a 60 mil pescadores da região.

 

O vazamento de petróleo já atingiu mais de 200 praias em nove estados do Nordeste, mas sua origem ainda não foi identificada pelo governo.

Últimas notícias
Geral

FAB está de prontidão para resgatar brasileiros em áreas de conflito

Após os ataques do Irã a Israel, o governo brasileiro informou que está pronto, caso necessário, para resgatar brasileiros na área de conflito. Em nota, a Força Aérea Brasileira afirma se manter em prontidão para atuar a qualquer hora e em qualquer local, assim que for acionada pelas autoridades.

Baixar arquivo
Internacional

Conselho de Segurança da ONU faz reunião de emergência neste domingo

A reunião acontece após pedido de Israel, que foi atacado pelo Irã na noite desse sábado (13). O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, já se manifestou condenando o ataque iraniano e pedindo “o fim imediato das hostilidades”.

Baixar arquivo
Geral

Lei que criminaliza bullying prevê pena de até quatro anos de prisão

O objetivo da lei, sancionada este ano, é inibir essa prática nas escolas e, principalmente, no mundo virtual, onde o Brasil está no topo da lista nesse assunto. Menores de idade podem ser responsabilizados pela Vara da Infância e da Juventude.

Baixar arquivo
Geral

Brasil pede esforço para conter escalada de tensão no Oriente Médio

O governo brasileiro manifestou grave preocupação com os relatos de envio de drones e mísseis do Irã em direção a Israel. O comunicado pede que todas as partes envolvidas exerçam máxima contenção e chama a comunidade internacional para mobilizar esforços e evitar uma escalada.

Baixar arquivo
Internacional

Ruas de Israel amanhecem vazias após ataques do Irã

Domingo é o primeiro dia da semana de trabalho em Israel. Depois de uma madrugada em claro, acompanhando ao vivo os ataques, os israelenses acordaram com uma sensação ambígua: o alívio pelo bom funcionamento do sistema de defesa, mas também o temor do que está por vir.

Baixar arquivo
Política

Renegociação de dívidas e PEC das Drogas agitam o Senado

PEC das Drogas, renegociação de dívida dos estados, revisão do Código Civil, Imposto de Renda. A semana vai ser cheia no Senado.

Baixar arquivo