Dados do WhatsApp serão compartilhados com Facebook; regra gera temor

Mudança nos termos de uso do app gerou migração para concorrentes

Publicado em 12/01/2021 - 20:00 Por Gésio Passos - Brasília

Mudanças nos termos de uso do WhatsApp, que são as regras do aplicativo, assustaram muitos usuários de um dos serviços de mensagens mais usados no país.

O WhatsApp anunciou que dados pessoais dos usuários do aplicativo serão compartilhados com outras empresas do grupo Facebook, que adquiriu o programa em 2014.

Para usar o aplicativo, será obrigatório aceitar as mudanças. Caso contrário, o usuário terá que escolher outro programa de troca de mensagens. O WhatsApp ainda vai permitir ao usuário apagar a conta caso não aceite os termos.

As mudanças passam a valer a partir do dia 8 de fevereiro.

O jornalista Bruno Marinoni se espantou com as mudanças. Ele avalia se vai compensar continuar usando o WhatsApp.

Informações pessoais, como o número do telefone e atividades realizadas no aplicativo, além de formas de interação com outras pessoas e empresas, serão compartilhadas. Mas o conteúdo das conversas continua sendo sigiloso.

Christian Perrone, Coordenador da área de Direitos e Tecnologia do Instituto de Tecnologia e Sociedade, ITS Rio, afirma que o usuário tem que levar em consideração o risco do uso dos dados pela controladora do aplicativo.

Em nota, o WhatsApp informou que a mudança na política de privacidade foi para aumentar a transparência com o usuário, podendo oferecer mecanismos de comércio no aplicativo de forma segura.

O WhatsApp afirmou que a decisão não muda as práticas de compartilhamento de dados com o Facebook. E que permanece comprometido com a proteção da privacidade das pessoas.

Um dos aplicativos concorrentes do WhatsApp, o Signal, teve recorde de downloads na última semana e é uma das opções para quem quer usar outro mensageiro instantâneo. Existem outros programas que também são alternativas, como o Telegram, Librem Chat e o Wire.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Esportes

Paralimpíada Escolar abre portas do alto rendimento a novos campeões

Edição deste ano da Paralimpíada Escolar está confirmada para acontecer entre  22 e27 de novembro

Baixar arquivo
Saúde

Estudo revela impacto da pandemia em favelas do Rio de Janeiro

54% dos moradores da Cidade de Deus, na zona oeste, e dos complexos do Alemão e da Maré, na zona norte do Rio de Janeiro, perderam seus empregos com a pandemia de covid-19

Baixar arquivo
Saúde

A vacinação contra a gripe foi prorrogada e está aberta para todos

A campanha começou em abril e estava prevista para encerrar em agosto, que são os meses mais frios no Brasil, e é quando a gripe costuma atingir mais pessoas. Mas, neste ano, foi ampliada em dois meses, e aberta para a população em geral.

Baixar arquivo
Geral

Detran anula mais de 126 mi processos de suspensão de CNH em São Paulo

Esse cancelamento inclui os motoristas que tem mais de 20 pontos na CNH e que não se enquadram no que estipula o novo Código Brasileiro de Trânsito, em vigor desde o dia 12 de abril de 2021.

Baixar arquivo
Política

Informais que receberam auxílio emergêncial podem pedir empréstimo

A partir desta segunda-feira, trabalhadores informais que receberam auxílio emergencial, por meio do Caixa Tem, nascidos em janeiro e fevereiro, podem pedir empréstimo de até R$1.000,00, pelo aplicativo Caixa Tem.

Baixar arquivo
Justiça

Mulher é condenada por feminicídio da companheira no DF

Os promotores do caso argumentaram que o objetivo da lei do feminicídio é manter as mulheres seguras nos relacionamentos afetivos, independente do gênero do agressor ou da orientação sexual da vítima.

Baixar arquivo