Medidas restritivas no DF são flexibilizadas a partir de amanhã

Bares e restaurantes terão 2 horas a mais de funcionamento presencial

Publicado em 12/04/2021 - 19:00 Por Lucas Pordeus León - Repórter da Rádio Nacional - Brasilia

O Governo do Distrito Federal vai flexibilizar as regras restritivas contra à Covid-19 a partir desta terça-feira (13). O horário de funcionamento de bares e restaurantes será estendido por mais duas horas, podendo ficar abertos até 21h. As bebidas alcoólicas poderão ser vendidas também até 21h, uma hora a mais do que estava permitido.

Continua valendo o toque de recolher a partir de 22h. Porém, com o novo decreto, jogos esportivos profissionais poderão ser realizados após 22h, mas sem público. Nesta quarta-feira Brasília sedia, nesse horário, um jogo do Palmeiras pela Recopa Sul-Americana.

O secretário da Casa Civil do governo do Distrito Federal, Gustavo Rocha, justificou as medidas devido à manutenção da taxa de transmissão do novo coronavírus abaixo de 0,9. No domingo, essa taxa era de 0,87. Ou seja, cada 100 pessoas infectadas contaminam, em média, outras 87.

Atualmente, o Distrito Federal está com uma taxa de ocupação de 96% dos leitos de UTI para adultos no sistema público e 94% de ocupação no setor privado. Esperam por uma vaga de Terapia Intensiva, nesta segunda-feira (12), um total de 390 pessoas.

Já a média móvel de casos novos registrados nos últimos sete dias caiu 17% no intervalo de duas semanas, passando de 1.609 casos diários no dia 28 de março para 1.335 novos casos diários, em média, no dia 11 de abril. Por outro lado, a média móvel de óbitos no período cresceu de 54 para 67 mortes diárias, um aumento de 24%.

Segundo o Boletim da Fiocruz sobre a pandemia no Brasil, divulgado na última semana, o Distrito Federal tem a quarta maior taxa de mortalidade do país e a oitava maior taxa de incidência de novos casos por 100 mil habitantes.

Edição: Bianca Paiva/ Sumaia Villela

Últimas notícias
Saúde

Brasil já tem 5 casos confirmados da variante Ômicron

Dos casos confirmados aqui no país, três são em São Paulo e dois no Distrito Federal. São quatro homens e uma mulher.

Baixar arquivo
Saúde

Fiocruz vê tendência de alta de casos de síndrome respiratória grave

Crescimento está sendo notado em 13 das 27 unidades da federação; destes, os que mais chamam a atenção dos especialistas são Pará, Ceará e Rio de Janeiro.

Baixar arquivo
Política

PEC dos Precatórios é aprovada no Senado

Os precatórios são dívidas da União com empresas e pessoas que ganharam ações definitivas na justiça. A proposta aprovada pelo Senado limita o valor a ser gasto anualmente com essas despesas e muda a forma de cálculo do teto de gastos. Proposta ainda precisa voltar à Câmara.

Baixar arquivo
Educação

Prazo para solicitar a reaplicação da prova do Enem termina amanhã

Candidatos podem pedir a reaplicação até às 23h59 desta sexta; os nomes dos participantes aptos a fazerem a prova em nova data serão divulgados na própria Página do Participante.

Baixar arquivo
Saúde

Prefeitura do Rio vai rever ampliação de exigência de cartão de vacina

Segundo o prefeito Eduardo Paes, houve "exagero" na ampliação de locais onde devem ser apresentados comprovante de vacinação contra a covid-19.

Baixar arquivo
Saúde

São Paulo suspende festa de Réveillon na Paulista

A vigilância sanitária da capital paulista fez um estudo de riscos e orientou a cancelar a festa do dia 31 de dezembro. Além disso, o prefeito decidiu manter a obrigatoriedade no uso de máscaras em lugares públicos. O uso seria abolido no próximo dia 11.

Baixar arquivo