Lula jamais pediu para modificar preço dos combustíveis, diz Prates

Publicado em 24/11/2023 - 17:04 Por Tatiana Alves - Repórter Rádio Nacional - Rio de Janeiro

O presidente Lula jamais pediu para modificar o preço dos combustíveis. A afirmação foi feita nesta sexta-feira (24) pelo presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, durante coletiva à imprensa sobre o Plano Estratégico 2024-2028.  

Estão previstos investimentos de US$ 102 bilhões, um crescimento de 31% em relação ao período anterior. A meta é integrar fontes energéticas de forma justa e responsável. Segundo o presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, a transição será gradual. 

As projeções do novo plano são de que aproximadamente 60% da geração de caixa da Petrobras voltará para a sociedade na forma de tributos e pagamentos à União, estados e municípios. A dívida bruta da companhia continuará limitada a US$ 65 bilhões. 

Os investimentos serão divididos por segmento: 72% vão para a exploração e produção; 16% para refino, transporte e comercialização; 9% para gás e energias de baixo carbono; e 3% para o corporativo. 

Entre as metas da Petrobras para os próximos cinco anos está diminuir as emissões de gases do efeito estufa, além de ampliar a infraestrutura e portfólio de ofertas de gás natural. Outra previsão é que, no período, sejam gerados cerca de 300 mil empregos por ano. 

Os projetos de baixo carbono terão foco em iniciativas de descarbonização das operações, com desenvolvimento de negócios no segmento de energias eólica e solar. Segundo a gerente executiva de planejamento estratégico da Petrobras, Renata Szczerbacki, a meta é reduzir ainda mais as emissões de carbono. 

Outros compromissos da Petrobras com o meio ambiente e a sociedade são zerar o vazamento de materiais, diminuir em 40% a captação de água doce, além de aumentar de 17%  para 25% a proporção de mulheres e negros em cargos de liderança. 

Edição: Nádia Faggiani / Alessandra Esteves

Últimas notícias
Geral

Tribunal de Contas pede documentos sobre privatização da Sabesp

Documentação apresentada pelo governo estadual não contém o cumprimento das condições estabelecidas no termo que foi assinado entre a prefeitura de São Paulo e a gestão estadual.

Baixar arquivo
Segurança

Presos são transferidos de Penitenciárias Federais de Segurança Máxima

A transferência segue um rodízio periódico e tem como objetivo enfraquecer as lideranças do crime organizado. Por questões de segurança, a Secretaria Nacional de Políticas Penais não informa a localização dos presos, nem detalhes das operações

Baixar arquivo
Segurança

Mais policiais e cão farejador reforçam busca por fugitivos no RN

Uma equipe do Mato Grosso foi para Mossoró com dois agentes e um cão treinado para buscas e captura de humanos. 

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Acre tem 19 municípios em situação de emergência por causa das cheias

O Rio Acre, na capital, chegou a 17,68 metros na noite deste domingo, o terceiro maior registro de alta, desde o início do monitoramento, em 1971. Ministros do Desenvolvimento Regional e do Meio Ambiente visitam regiões alagadas nesta segunda (4)

Baixar arquivo
Geral

Ponte Rio-Niterói completa 50 anos nesta segunda

A ponte foi inaugurada em 1974, erguida sobre as águas da Baía de Guanabara ajuda a compor um dos principais cartões postais da cidade. Foram 5 anos para construir a via que liga a cidade do Rio de Janeiro ao município de Niterói, além da Região dos Lagos e do litoral norte fluminense.

Baixar arquivo
Saúde

Natal decreta situação de emergência por causa da dengue

A Prefeitura adotou a medida, que vale por 90 dias, devido ao crescimento da doença por três semanas seguintes, o que caracteriza uma epidemia.

Baixar arquivo