Plenário do STF decide manter o inquérito das fake news

Notícias Fraudulentas

Publicado em 17/06/2020 - 20:10 Por Leandro Martins - Brasília

O Supremo Tribunal Federal julgou, nessa quarta-feira (17), uma ação do partido Rede Sustentabilidade que questionava um Inquérito do próprio STF sobre a existência de notícias fraudulentas, calúnias, ameaças e infrações contra a Corte, seus membros e familiares. A ação do partido é uma Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental.

 

Para a Rede, não havia indicação de ato praticado na sede ou dependência do STF ou de quem serão os investigados e se estão sujeitos à jurisdição do Supremo. O partido argumentou que, salvo raras exceções, não compete ao Poder Judiciário conduzir investigações criminais.

 

O inquérito está sendo conduzido pelo ministro Alexandre de Moraes. O julgamento teve início na semana passada com o voto do relator, ministro Edson Fachin, pela legalidade e constitucionalidade da abertura do inquérito.

 

Segundo Fachin, o direito constitucional à liberdade de expressão não é absoluto e não justifica a realização de atos de incitamento ao fechamento do STF, de ameaça de morte ou de prisão de seus membros e de desobediência a decisões judiciais.

 

Também no STF, por 9 votos a 1, foi decidida nessa quarta-feira (17) a manutenção do ministro da Educação, Abraham Weintraub, no Inquérito das Fake News. Assim, foi negado o pedido de habeas corpus em favor de Weintraub, que tinha sido apresentado pelo ministro da Justiça, André Mendonça. O único voto contrário foi de Marco Aurélio Mello. Já o ministro Alexandre de Moraes não votou, por se declarar impedido neste julgamento.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Abate de bovinos cai 10,3% no primeiro trimestre do ano, aponta IBGE

O abate de bovinos caiu 10,3% no país no primeiro trimestre deste ano, na comparação com o mesmo período de 2020. Em compensação, o abate de suínos subiu 4,9% e o de frangos 2,4%, na mesma comparação.

Baixar arquivo
Economia

Estimativa do IBGE de abril prevê safra recorde para 2021

A safra de alimentos no Brasil deve atingir o recorde de 264,5 milhões de toneladas em 2021. A estimativa é que supere em 4,1% a do ano passado, que somou 254,1 milhões de toneladas.

Baixar arquivo
Economia

Trabalhadores nascidos em setembro podem sacar auxílio emergencial

O saque também poderá ser feito pelos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

Baixar arquivo
Economia

Câmara aprova projeto para combater superendividamento de consumidores

A matéria segue para apreciação do Senado Federal. O projeto de lei prevê o direito a uma renegociação com todos os credores a partir da mediação de um juiz  Na audiência, o consumidor pode apresentar um plano com prazo máximo de 5 anos para quitação das dívidas.

Baixar arquivo
Saúde

Prefeitura do Rio retoma vacinação contra a covid-19 em grávidas

A vacinação para este grupo, por orientação do Ministério da Saúde, é apenas com as vacinas Pfizer e CoronaVac, de acordo com a disponibilidade.

Baixar arquivo
Geral

No Dia da Enfermagem, profissionais defendem piso salarial nacional

Atuação dos profissionais de enfermagem ganha mais destaque no cenário atual, pois são os responsáveis por 65% da força de trabalho no combate ao novo coronavírus, segundo o Cofen, Conselho Federal de Enfermagem.

Baixar arquivo