Permitir mineração em cavernas pode extinguir espécies, diz cientista

Publicado em 21/02/2022 - 16:57 Por Leandro Martins - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

Mudança na legislação de proteção das cavernas pode resultar em extinção de espécies e contaminação ambiental. Quem afirma é Hernani Oliveira, pesquisador do IPAM, Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia e da Universidade Federal do Pará.

Isso porque um decreto assinado em janeiro pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) permite empreendimentos em cavernas, alterando a legislação de 2008, e retirando a regra que proíbe danos irreversíveis em cavernas classificadas como de alta relevância. Uma das atividades previstas na nova norma é a mineração.

Em carta publicada na revista científica Nature, o pesquisador aponta os riscos que a decisão traz para o equilíbrio do ecossistema. Ele cita os morcegos, que habitam as cavernas e são importantes para polinizar e manter as florestas, e ainda espécies raras de animais, como os troglóbios, espécie de peixes que não têm olhos, e descoberta há poucos anos.

Das 22 mil cavernas resguardadas no Brasil, 30% possuem máxima proteção. Hernani Oliveira avalia que os empreendimentos agora permitidos pelo decreto, poderão causar impactos em toda a região das cavernas, como nos cursos de água.

Na carta à Nature, o pesquisador faz ainda um alerta para a expansão do setor de mineração no Brasil, que vem pressionando para explorar as cavernas.

 

Edição: Jacson Segundo / Guilherme Strozi

Últimas notícias
Justiça

Alagoas: Ministério Público realiza operação contra fraude tributária

Uma operação investiga empresas de fachada que emitiram R$ 76 milhões em notas fiscais falsas. Ao todo cinco empresas estão sendo investigadas por fraude fiscal em São Paulo e Alagoas.

Baixar arquivo
Esportes

Libertadores: Atlhetico-PR enfrenta o Estudiantes nesta quinta-feira

Se quiser manter viva a chance de conquistar a Libertadores pela primeira vez e levantar novamente o caneco da Copa do Brasil, o Furacão vai ter que passar por adversários difíceis.

Baixar arquivo
Educação

Superdotação: desafio é identificar pessoas com altas habilidades

O dia 10 de agosto é o dia Mundial da Superdotação. No Brasil, mais de 24 mil crianças foram identificadas como superdotadas. Mas esse número pode ser muito maior.

Baixar arquivo
Cultura

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro ocorre nesta quarta-feira

A 21ª edição também marca o retorno da festa presencial, já que em 2020 e no ano passado foi realizada virtualmente por causa da pandemia de covid-19.

Baixar arquivo
Esportes

Começa a etapa regional, de Brasília, das Paralimpíadas Escolares 2022

Etapa nacional das Paralimpíadas Escolares começa dia 23 de novembro, em São Paulo. Os estudantes podem participar de 24 modalidades como basquete em cadeiras de rodas, parabadminton e Golbol.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Santa Catarina: ciclone extratropical deixa estragos em várias cidades

O fenômeno causou rajadas de vento de cerca de 90 quilômetros por hora. Algumas cidades, como a capital Florianópolis, registraram precipitação de quase 200 milímetros nas últimas 24 horas.

Baixar arquivo