Lançado neste domingo na Índia o 1º satélite 100% brasileiro

Amazônia-1 vai monitorar o desmatamento na Região Amazônica

Publicado em 28/02/2021 - 12:17 Por Sarah Quines - São Paulo

O 1º Satélite 100% Brasileiro foi lançado na madrugada deste domingo (28) da Base Espacial da Índia. O satélite "Amazônia-1" faz parte da Missão Amazônia, criada para monitorar e fornecer dados sobre o desmatamento na Região Amazônica. O projeto é coordenado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, e desenvolvido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais em parceria com a Agência Espacial Brasileira.

Com cerca de 640 Kg, o satélite amazônia-1 levou 17 min para chegar ao destino que fica a 750 Km de altitude da superfície da terra. O lançamento foi feito do Centro Espacial da Índia, e marcou o salto tecnlógico do Brasil como um dos 20 países que dominam o ciclo completo de desenvolvimento de satélites. A diretora substituta do Inpe, Mônica Rocha, destaca também a validação de voo da plataforma multimissão B

O satélite possui uma câmera capaz de observar uma faixa de 850 km em alta resolução e tem uma órbita que passa pelo mesmo ponto a cada cinco dias. A operação em conjunto com outros dois satélites já em órbita que possuem a mesma câmera será possível obter imagens de um ponto específico em um intervalo de tempo de um a dois dias.

Parte da Missão Amazônia, o equipamento permitirá monitorar o desmatamento da Região Amazônica, além de acompanhar a agricultura em todo o território nacional. O ministro da Ciência Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes acompanhou o lançamento da índia e parabenizou o time brasileiro.

Edição: Joana Lima

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Geral

Novo documento eletrônico pode beneficiar caminhoneiros

Caminhoneiros e empresários se reuniram, nesta quinta-feira (22), para tratar sobre a agenda econômica do Brasil. A iniciativa do encontro foi do Ministério da Infraestrutura

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Grupo mães que acolhem ajuda órfãos da covid

Não existe um número oficial de quantas são as crianças que estão enfrentando, não apenas o luto, mas também a insegurança. Em Jundiaí, região metropolitana de São Paulo, mães se reuniram para ajudar órfãos da covid-19. O projeto começou sem pretensões, hoje reúne 350 pessoas.

Baixar arquivo
Saúde

Hospitais de Campanha do DF não terão leitos de UTI

Os três hospitais de campanha previstos para serem entregues até o final deste mês pelo governo do Distrito Federal não vão ter leitos de UTI, serão 300 leitos de UCI, unidades de cuidados intermediários.

Baixar arquivo
Economia

Auxílio emergencial: beneficiários podem movimentar dinheiro com Pix

A partir de 30 de abril, quem recebe o auxílio emergencial poderá movimentar o dinheiro do benefício usando o

Baixar arquivo
Saúde

Covid: Novo carregamento com o IFA da vacina Oxford deve chegar sábado

Um novo carregamento de ingrediente farmacêutico ativo para a produção de vacinas da Oxford/Astrazeneca deve chegar da China neste sábado, dia 24. A quantidade será suficiente para que o Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos, Bio-Manguinhos da Fiocruz produza nove milhões de doses da vacina contra a covid-19, que devem ser incorporadas ao Programa Nacional de Imunizações, a partir de meados de maio 

Baixar arquivo
Geral

Tempestade subtropical é responsável por chuva e mar agitado no Rio

A tempestade subtropical batizada de Potira é a responsável pela chuva intermitente registrada nos últimos dias no Rio de Janeiro. Potira, nome que em tupi-guarani significa “flor”, também tem deixado o mar bastante agitado e, de acordo com a Marinha, há risco de ressaca.

Baixar arquivo