Universo: Há 60 anos um americano chegou ao espaço e avistou a Terra

Alan Shepard foi ao espaço logo após o lançamento de Yuri Gagarin

Publicado em 05/05/2021 - 08:16 Por Beatriz Evaristo - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

O globo terrestre em preto e branco. Mas, ainda assim uma “bela vista”. Foi o que o primeiro americano enviado ao espaço conseguiu ver, há 60 anos, em 5 de maio de 1961. Os soviéticos já tinham realizado uma missão tripulada em abril daquele ano, mas os Estados Unidos souberam aproveitar melhor que os pioneiros o poder midiático.

O lançamento do voo espacial humano Mercury Redstone 3 foi transmitido pela televisão e atraiu a atenção de milhões de pessoas. 23 dias depois do russo Yuri Gagarin dar uma volta na órbita do planeta Terra, a Nasa enviou ao espaço o norte-americano Alan Shepard, de 37 anos.

A missão Freedom 7 deixou a estação de Cabo Canaveral, na Flórida, às 9h34. A cápsula alcançou uma altitude de mais de 180 mil quilômetros da superfície terrestre. O voo durou apenas 15 minutos e 22 segundos. Tempo bem menor que a viagem dos russos que foi de 1h48.

A missão inaugural do programa de voo espacial humano da agência americana não chegou a passear pela órbita da Terra mas permitiu que o astronauta pudesse ficar aproximadamente cinco minutos na ausência de gravidade. Na prática, não foi possível flutuar dentro da espaçonave, não só pelo breve período, mas também por estar bem preso ao assento por questões de segurança.

A viagem do primeiro americano ao espaço foi considerada um sucesso. O programa Mercury realizou mais cinco lançamentos até 1963 com mais de 53 horas de voo. Depois disso, a Nasa investiu em outros projetos.

Depois da missão pioneira dos russos no espaço, mais de 500 pessoas, entre homens e mulheres, já tiveram a oportunidade de sair da Terra. Até então, as missões têm sido realizadas com caráter científico e tecnológico. A primeira viagem com turistas está prevista para o final deste ano.
 

Edição: Sheily Noleto/ Beatriz Arcoverde

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Educação

EAD em faculdades particulares deverá crescer mesmo depois da Pandemia

Na década que vai de 2010 a 2019, o número de matrículas no ensino superior particular no Centro-Oeste aumentou 13% nas carreiras ligadas ao agronegócio e 8% nos cursos de saúde e engenharia.

Baixar arquivo
Economia

Aprovada MP que amplia prazo de remarcação de serviços de turismo

Senadores aprovaram nessa quarta feira  a Medida Provisória  que amplia o prazo para remarcação e reembolso de serviços nos setores de turismo e cultura não realizados em 2020 e 2021 em virtude da pandemia da covid-19.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Fórum Empresas com Refugiados é lançado para ajudar essa população

O Fórum Empresas com Refugiados, lançado nessa quarta-feira, pela Acnur - a Agência da ONU para Refugiados- e pela Rede Brasil do Pacto Global, foi criado para ajudar refugiados a ingressar no mercado de trabalho brasileiro.

Baixar arquivo
Segurança

Homícidios dolosos no Rio caem 9% em 2021

Os homicídios dolosos no estado do Rio de Janeiro caíram 9% nos cinco primeiros meses deste ano, na comparação com igual período de 2020. Foram 1.495 mortes, o menor valor para o período desde 1991, quando teve início a série histórica do Instituto de Segurança Pública.

Baixar arquivo
Saúde

Vacina contra covid:trabalhador de transporte coletivo terá prioridade

Trabalhadores do transporte coletivo foram incluídos no grupo prioritário para receber a vacina contra o novo coronavírus.

Baixar arquivo
Economia

Exigência de vacina para emprego é discriminação, diz MPT

Um anúncio publicado em um site de ofertas de emprego gerou questionamentos após a vaga exigir como requisito para contratação que o candidato fosse imunizado contra a Covid 19 com a vacina da farmacêutica Pfizer. 

Baixar arquivo