Metaverso: mudança de nome visa antecipar tendência na internet

Publicado em 30/10/2021 - 15:45 Por Victor Ribeiro* - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

Nos próximos 10 anos, vamos deixar de usar a internet e passaremos a fazer parte dela. Foi com isso em mente que o Facebook decidiu mergulhar de cabeça no Metaverso. Até mesmo o nome da empresa mudou: agora é Meta, que, em grego, significa “além”.

De acordo com o dono da Meta, Mark Zuckerberg, até o começo da próxima década o Metaverso deve reunir 1 bilhão de usuários.

O pesquisador de Direito e Novas Tecnologias no ITS, Instituto Tecnologia e Sociedade, João Victor Archegas, detalha o que será esse novo ambiente virtual.

O novo nome só vale para a empresa. A rede social Facebook continua com este nome. A Meta também controla o Instagram e o WhatsApp.

A mudança ocorre em um momento desfavorável para o Facebook. Após o escândalo de manipulação eleitoral em 2016 e 2018, nos últimos meses, uma ex-funcionária vazou uma série de documentos internos e prestou depoimentos a parlamentares dos Estados Unidos e da União Europeia. De acordo com ela, a empresa mantém recursos que prejudicam a saúde mental dos usuários, porque privilegia o lucro. João Victor Archegas chama a atenção para esse contexto.

O Metaverso ainda promete mudar a nossa forma de trabalhar, fazer negociações e até mesmo ter controle sobre o direito autoral. Mas existe uma discussão mais urgente. É que o conjunto das cinco gigantes da tecnologia era conhecido pela sigla FAANG: Facebook, Apple, Amazon, Netflix e Google. Com a mudança de nome do Facebook para Meta, os especialistas discutem como será a nova sigla.

A mais sugerida é MAANG, mantendo a ordem original. Mas já surgiu a ideia de chamar MANGA, em homenagem às histórias em quadrinhos japonesas. E até a de usar a sigla MAMATA, com a troca do N, da Netflix, pelo T, da Tesla Motors; e do G, do Google, pelo A, de Alphabet, que é a razão social da empresa.

*Com produção de Michelle Moreira

Edição: Bianca Paiva/Edgard Matsuki

Últimas notícias
Economia

Carlos França afirma que entrada do Brasil na OCDE trará investimentos

O ministro das relações exteriores, Carlos França afirmou que a entrada do Brasil na OCDE vai ajudar a trazer investimentos estrangeiros e criar um ambiente de negócios favorável ao país.

Baixar arquivo
Saúde

Boletim da Fiocruz aponta aumento de casos de covid em todo o país

São 25 unidades da federação que apresentam ao menos uma macrorregião de saúde com nível de casos semanais de Síndrome Respiratória Aguda Grave considerado muito alto ou extremamente alto. 

 

Baixar arquivo
Saúde

Hospitais federais do RJ vão receber mais 1.700 profissionais de saúde

Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro tem cobrado a realização de concursos públicos para substituir de forma definitiva os profissionais que atuam com contratos temporários.

Baixar arquivo
Política

Voo com 211 brasileiros deportados dos EUA chega ao Brasil

Coordenadoria da Infância e Juventude do TJ-MG informou que 90 crianças que desembarcaram do voo humanitário estavam acompanhadas por pelo menos um responsável com vínculo biológico e que nenhuma precisou ir para abrigos.

Baixar arquivo
Geral

Trotes para serviços de emergência viram multa no Acre

Nos últimos três anos, o Acre registrou mais de 15 mil trotes. E esse não é um problema que atinge somente os serviços de urgência no estado.

Baixar arquivo
Economia

Aumento de contaminações por covid desacelera crescimento do turismo

A onda da pandemia de covid-19 provocada pela variante ômicron fez com que destinos turísticos muito procurados no país tivessem redução na oferta de voos diários ao longo do mês de janeiro.

Baixar arquivo