Equipe de especialistas descobre um buraco negro adormecido

Publicado em 30/07/2022 - 11:13 Por Victor Ribeiro - Repórter da Rádio Nacional - Brasília
Atualizado em 30/07/2022 - 09:13

Uma equipe de especialistas em desmascarar falsos buracos negros acabou descobrindo um buraco negro adormecido. Ele fica na Nebulosa da Tarântula, dentro de uma galáxia chamada Grande Nuvem de Magalhães, vizinha da Via Láctea.

Entre os cientistas envolvidos na descoberta, está o brasileiro Leonardo Almeida, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Ele comenta a relevância desse achado, que só foi possível após observar cerca de mil estrelas, ao longo dos últimos seis anos: “Nós procuramos particularmente estrelas que pudessem ter buracos negros como companheiros. O mais curioso sobre esse buraco negro é que a estrela que deu origem a ele desapareceu sem qualquer sinal de uma explosão poderosa. Além disso o sistema VFTS 243 é o sistema que contém o primeiro buraco negro de máscara adormecido a ser detectado fora da nossa galáxia. O buraco negro recém-descoberto tem pelo menos nove vezes a massa do sol e orbita uma estrela azul quente com 25 vezes a massa solar.”

Os astrônomos acreditam que esses buracos negros adormecidos são comuns no universo. O problema é que é muito difícil detectar esse fenômeno.

O professor Leonardo Almeida foi o primeiro autor do artigo que marcou o início do projeto. A pesquisa monitorou 51 sistemas binários - aqueles formados por duas estrelas - e analisou os sinais eletromagnéticos que saíam deles.

Ao estudar cada sinal, perceberam que este sistema chamado de VFTS 243 era o único em que uma das estrelas estava escondida. Ou seja, não emitia altos níveis desses sinais, que são raios-x. Leonardo Almeida afirma que essas características são típicas de um buraco negro adormecido: “Os buracos negros de massa estelar se formam quando estrelas massivas morrem e colapsam sobre sua própria gravidade. No caso de sistemas binários, em que uma esteira gira em torno da outra, esse processo resulta em um buraco negro em órbita com uma estrela companheira luminosa. No entanto, quando os buracos negros não estão recebendo matéria de uma estrela companheira eles não emitem radiação eletromagnética. Por isso eles são chamados de adormecidos.”

Uma última curiosidade: este foi o primeiro buraco negro descoberto por essa equipe internacional de pesquisadores. Eles se autodenominam a “Polícia de buracos negros”, porque o papel deles é de checar se os fenômenos desse tipo são mesmo buracos negros ou se os outros pesquisadores estão enganados.

*Com sonoplastia de José Maria Pardal e produção de Salete Sobreira

Edição: Bianca Paiva / Beatriz Arcoverde

Últimas notícias
Direitos Humanos

Rio lança o "Ouvidoria Mulher" para vítimas de violência doméstica

O serviço, lançado nesta quarta-feira (10),  faz parte das ações do Ministério Público do Estado, para marca o mês de agosto, em que se comemora os 16 anos da Lei Maria da Penha.

Baixar arquivo
Geral

PF faz ação contra organização que fraudava planos de saúde no RJ

Os investigadores estimam que em cinco anos, a partir de 2014, a gestão de uma operadora de plano de saúde de servidores públicos causou um prejuízo da ordem de R$ 664 milhões.

Baixar arquivo
Geral

PF prende homem acusado de roubar bitcoins nos EUA

Foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão; e um mandado de prisão preventiva na cidade de Imperatriz, sul do estado.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Lei em Salvador dará multa para quem intimidar mulheres na cidade

Ela estabelece sanções para quem cometer assédio contra mulheres, ou que as exponham publicamente a qualquer tipo de constrangimento, no âmbito da incidência, ou não, da Lei Maria da Penha.

Baixar arquivo
Justiça

Justiça aceita denúncia contra dona de asilo por maus-tratos

Vanessa da Silva Ferro de Souza é proprietária e administradora da casa de repouso para idosos Laço de Ouro, na zona oeste do Rio, onde um paciente da instituição morreu.

Baixar arquivo
Esportes

Etapa do Taiti define últimas vagas para Finals do Circuito de Surfe

Filipe Toledo, que lidera o ranking mundial, competirá na quarta bateria da primeira fase

Baixar arquivo