Sob debates intensos, reforma da Previdência vai chegando à reta final na Câmara

Emenda à Constituição

Publicado em 10/07/2019 - 19:05 Por Kariane Costa - Brasília

Chegamos à reta final para a votação em primeiro turno do texto da reforma da previdência aqui na Câmara dos deputados.

 

O plenário está completamente lotado, e parlamentares a favor e contra o texto fazem manifestações. Grupos ligados ao governo seguram bandeiras do Brasil. Já os ligados à oposição gritam palavras de ordem contra o governo.

 

Ao longo do dia, deputados favoráveis à reforma conseguiram derrubar os requerimentos de obstrução. Nesta fase, 3 deputados a favor e 3 contra se revezam na tribuna. Antes de conhecermos o resultado da votação, é necessário a orientação de bancada onde cada partido orienta como os deputados devem votar e fazem seus discursos na tribuna.

 

Mas não deve demorar muito ... Depois de aprovado o texto principal, os deputados passam à análise dos chamados destaques, que são propostas de modificações.

 

Uma dessas mudanças que está sendo costurada é um acordo para que se reapresente regras especiais para aposentadoria dos agentes policiais federais.

 

Apesar da líder do governo no Congresso, Joice Haselmann, do PSL, e o ministro Onyx Lorenzoni, da Casa Civil, afirmarem que os agentes já estavam contemplados no texto e garantirem, ontem, que não haveria mudanças para a categoria, voltaram atrás e apoiam agora a flexibilização para policiais.

 

A emenda fruto desse acordo prevê idade mínima de 53 anos para homens, 52 para mulheres + 100% de pedágio. Agora há pouco, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, criticou um outro destaque sobre os policiais, o do partido Podemos. Maia afirmou que a criação de regras especiais para profissionais que exercem atividades ligadas à segurança pública pode dar uma péssima sinalização para a Reforma, já que todas as outras categorias vão se aposentar com idade mínima e, pela proposta do partido, a idade mínima para policiais pode ser suprimida.

 

O texto aprovado pela comissão prevê que os policiais se aposentem aos 55 anos. De acordo o líder do PP, Aguinaldo Ribeiro, a ideia é apresentar uma emenda que junte polícias e contemple mulheres.

 

Também há expectativa de ajuste nas regras para as mulheres se aposentarem. O texto que será analisado pelo plenário estabelece que elas vão receber 60% da aposentadoria com 20 anos de contribuição, e o acordo quer diminuir para 15 anos.

 

Já a oposição afirmou que vai apresentar todos os destaques a que direito, então, a votação só deve ser concluída mais para o fim da semana

 

Outra novidade é que o líder do Novo, deputado Marcel Van Hattem, anunciou que o partido retirou as emendas que queriam reincluir estados e municípios no texto da reforma da Previdência.

 

Ou seja, servidores municipais e estaduais ficam de fora da reforma, pelo menos por enquanto.

 

Ele disse que o tema deve voltar ao debate no Senado e que a matéria seria encaminhada à Câmara na forma de uma nova proposta de emenda à Constituição.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Saúde

Pesquisa indica que vacinados continuam a transmitir a covid-19

Quem está vacinado contra a covid-19 ainda pode transmitir a doença e também contrair o coronavírus, ainda que com menor gravidade. Essas são as conclusões de um estudo da Fapesp.

Baixar arquivo
Saúde

Em 24 anos, SP registra queda de 74% de mortes por Aids

Em 1995, foram registrados 7.739 óbitos. Em 2019, caiu para 2.049 mortes.

Baixar arquivo
Geral

Governo deve apresentar reformulação de programas sociais

As mudanças devem juntar diversos programas sociais já existentes e beneficiar cerca de 17 milhões de pessoas. Atualmente, o Bolsa Família atende em torno de 14 milhões de pessoas.

Baixar arquivo
Esportes

Tóquio 2020: Japonês vence individual geral da ginástica artística

O brasileiro Caio Souza terminou na 17ª posição na final do individual geral masculino de ginástica artística. Já o paulista Diogo Soares foi o 20° colocado.

Baixar arquivo
Economia

Prorrogada suspensão dos procedimentos de benefícios sociais

A portaria do Ministério da Cidadania foi publicada nessa terça-feira (27) no Diário Oficial da União.

Baixar arquivo
Esportes

Tóquio: Brasil pega Egito nas quartas de final no futebol masculino

A liderança do Grupo D ficou definida após o Brasil vencer a Arábia Saudita por 3 a 1 no Estádio de Saitama, na cidade de Saitama. 

Baixar arquivo