Durante teste de integridade, Barroso reafirma segurança das urnas

Publicado em 13/09/2021 - 08:27 Por Fabiana Sampaio - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

O  presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso, reafirmou neste domingo, no Rio de Janeiro, a segurança das urnas eletrônicas. Barroso acompanhou a Auditoria de Votação Eletrônica  durante as eleições suplementares realizadas nos municípios fluminenses de Santa Maria Madalena e Silva Jardim. Pela primeira vez, o chamado teste de integridade das Urnas foi transmitido ao vivo, pelo canal do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro no YouTube.

Em entrevista coletiva após o encerramento das eleições, o ministro afirmou que o teste é uma das etapas que demonstram  a transparência e integridade das eleições. A  transmissão do teste em tempo real pela internet, segundo o Barroso, é uma forma de responder aos questionamentos da sociedade acerca do processo de votação. 

Barroso ainda afirmou que a intenção é que todas as  etapas de averiguação do processo de segurança das urnas sejam transmitidas pela  internet. 

O teste de integridade funciona como uma votação paralela realizada no mesmo dia horário da eleição e é realizado com urnas sorteadas, que seriam utilizadas no pleito.  Durante  a votação, cédulas de papel são previamente preenchidas por membros de partidos políticos e da OAB,  com votos destinados aos candidatos,  nulos e branco. Ao final da votação, os votos no boletim de urna que é impresso devem coincidir  exatamente com o resultado dos votos em cédula. 

Tanto a cerimônia do sorteio como a  auditoria, que acontece desde 2002, são abertas ao público. 

No próximo dia 04 de outubro, a um ano das eleições de 2022, Luiz Roberto Barroso lembrou que o  TSE vai fazer a abertura antecipada, em seis meses, do ciclo de transparência eleitoral. Na ocasião, os partidos políticos vão poder ter acesso aos códigos fontes da urnas eletrônicas e poderão avaliar com especialistas próprios a segurança do procedimento.  

Edição: Roberto Piza/Edgard Matsuki

Últimas notícias
Educação

Começa prazo para pedido de reaplicação do Enem

Estudantes prejudicados por operação policial realizada no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro, podem remarcar a prova. Prazo termina na sexta-feira, 3 de dezembro.

Baixar arquivo
Economia

Tradicional festa de fim de ano em Copacabana está mantida

Nesta segunda-feira, equipes da prefeitura se reuniram com o Comitê Científico de Enfrentamento à Covid-19 para analisar a situação epidemiológica da capital e debater os critérios sanitários adotados para liberar as festas de fim de ano, como o Réveillon.

Baixar arquivo
Meio Ambiente

MPF realiza audiência para ouvir pescadores afetados por hidrelétrica

A ideia é apurar os impactos da construção da hidrelétrica de Belo Monte na atividade pesqueira no rio Xingu e verificar se as reparações aos atingidos estão acontecendo

Baixar arquivo
Justiça

Defesa de doutor Jairinho tenta reverter cassação do parlamentar

Jairinho e a namorada, mãe de Henry Borel, estão presos desde abril acusados de matar o menino de quatro anos em março deste ano.

Baixar arquivo
Geral

Chimpanzé Enos foi enviado ao espaço em 29 de novembro de 1961

Com cinco anos e meio, Enos embarcou na Mercury-Atlas 5 e se tornou o primeiro e único da espécie a fazer uma viagem na órbita terrestre. A missão funcionou como um teste antes do voo tripulado que levaria o primeiro astronauta norte-americano ao espaço.

Baixar arquivo
Economia

Inadimplência sobe em novembro e atinge o maior patamar do ano

Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) de novembro mostra que mais de 26% das famílias relatam ter dívidas ou contas em atraso. Em outubro, percentual de endividados estava em 25,6%.

Baixar arquivo