Vacinação de grupos prioritários será segmentada por idade no Rio

Publicado em 09/05/2021 - 15:32 Por Tatiana Alves - Repórter da Rádio Nacional - Rio de Janeiro

Nesta segunda-feira (10), o Instituto Butantan libera mais 2 milhões de doses da Coronavac para o Ministério da Saúde, chegando, assim, a mais de 45 milhões de doses fornecidas da vacina contra covid-19.

No Rio de Janeiro, o calendário de vacinação contra covid-19 para os grupos prioritários acontecerá de segunda (10) a sábado (15) para a primeira dose e voltará a ser segmentado por gênero e idade. Até o próximo sábado (15),  receberão a vacina as pessoas de 47 a 49 anos que estiverem nos grupos prioritários.

A segunda dose da Coronavac apenas será administrada no período da manhã. De segunda (10)  a quarta-feira (12), para  idosos com 66 anos ou mais. Na quinta-feira (13), será a vez dos idosos com 65 e 64 anos. Já na sexta-feira (14), idosos com 63, 62 e 61 anos poderão tomar a segunda dose da  Coronavac.

Os demais vacinados - não idosos - que tomaram a primeira dose da Coronavac entre os dias 5 e 9 de abril, deverão comparecer aos postos 10 dias após a data marcada para a segunda dose em seus comprovantes. Já quem recebeu a primeira dose entre os dias 10 e 17 do mês passado, deverá comparecer às unidades de vacinação no dia 17 de maio. Quem se vacinou depois do último dia 17, não terá adiantamento na aplicação da segunda dose. 

Para receber a aplicação, é necessário  apresentar documento de identificação original com foto, número do CPF e comprovante de recebimento da primeira dose da vacina. A recomendação é que a segunda dose seja aplicada no mesmo posto em que se tomou a primeira.

Grupos prioritários são pessoas com comorbidades, com deficiência permanente, trabalhadores da saúde, guardas municipais envolvidos diretamente nas ações de combate à pandemia e de vigilância das medidas de distanciamento social. A lista com a descrição de cada grupo pode ser conferida no site coronavirus.rio

Edição: Nadia Faggiani / Naitê Almeida

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Economia

Câmara aprova desestatização da Eletrobras

O texto-base da medida foi aprovado por 258 votos a 136. A medida já havia sido aprovada pela Câmara, mas sofreu alterações no Senado na semana passada e, por isso, precisou passar por nova votação dos deputados.

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: Queiroga diz que adultos serão vacinados até setembro

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, prometeu nesta segunda-feira vacinar toda população adulta contra o coronavírus com pelo menos uma dose até setembro. Nesta segunda-feira chegou a 501 mil o número de mortos pela covid -19.

Baixar arquivo
Política

Ministros do TSE esclarecem segurança da urna eletrônica a deputados

Os ministros do Tribunal Superior Eleitoral receberam durante a tarde um grupo de deputados federais que fazem parte da comissão especial que discute a Proposta de Emenda à Constituição do voto impresso. Eles conheceram detalhes do sistema de votação eletrônica.

Baixar arquivo
Saúde

Grávidas e puérperas já podem ser vacinadas no DF contra a covid-19

As grávidas e as mulheres que ainda estão no período de resguardo pós parto, de 45 dias -  as puérperas - já podem ser vacinadas no Distrito Federal contra a covd-19. Mas é preciso se cadastrar no sistema de agendamento da Secretaria de Saúde.

Baixar arquivo
Saúde

Covid-19: Pesquisa aponta que vacinação evitou 40 mil mortes de idosos

Pesquisa aponta que este ano vacinação já evitou mais de 40 mil mortes de idosos pela covid-19 no Brasil. Os cálculos,indicam que sem a vacinação, a tendência era que em 2021, nos seis primeiros meses, o número de mortes de idosos com mais 70 anos ultrapassaria os 90 mil.

Baixar arquivo
Geral

Em 2019, 1,8 milhão de crianças foram submetidas ao trabalho infantil

1,8 milhão de crianças e adolescentes foram submetidas ao trabalho infantil em 2019, e o trabalho infantil tem um perfil de cor e idade.

Baixar arquivo