Rio: bloqueios impediram aglomerações na orla no réveillon

Segundo prefeitura, objetivo foi evitar a transmissão da covid-19

Publicado em 01/01/2021 - 14:58 Por Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

Com a pandemia de covid-19 e o cancelamento da tradicional festa oficial de réveillon de Copacabana, poucos turistas e moradores do bairro passaram a noite da virada na praia. O esquema de trânsito e de transporte coletivo foi planejado para evitar aglomerações nos pontos tradicionais de queima de fogos da cidade do Rio de Janeiro, que não ocorreu na passagem de 2020 para 2021.

A Companhia de Limpeza Urbana (Comlurb) recolheu 194 toneladas de resíduos produzidos durante a noite de réveillon. Na comparação com o ano passado, quando foram 762 toneladas, a redução foi de cerca de 75% no total. Considerando apenas Copacabana, a redução foi de 89%, com 39 toneladas este ano e 351 toneladas em 2020.

Entre as 21h do dia 30, quando começaram os bloqueios de trânsito determinados pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Rio), até a madrugada de hoje (1º), a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) removeu 305 veículos por estacionamento irregular em vias impedidas nas orlas das zonas sul e oeste da cidade.

Foram implantados 54 pontos de bloqueios de trânsito nos bairros de Copacabana, Ipanema, Leblon, Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes, para impedir o acesso de veículos não autorizados à orla e evitar aglomerações.

Nos três pontos de bloqueio em vias expressas para impedir o acesso de vans, ônibus e micro-ônibus intermunicipais, foram aplicadas no total 256 multas. Foram removidos dois veículos, que faziam transporte irregular de passageiros.

A Coordenadoria de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques registrou 79 infrações de trânsito desde a noite do dia 30, com 49 veículos removidos por estacionamento irregular. Também foram autuados dois restaurantes da Avenida Olegário Maciel, na Barra da Tijuca, por promover aglomeração.

Já a Guarda Municipal aplicou 683 multas de trânsito, sendo 546 na orla, durante as ações de patrulhamento e fiscalização iniciadas às 7h de ontem. A maioria das multas foi por estacionamento irregular. Com a proibição de qualquer equipamento de som na orla nessa virada de ano, a Guarda Municipal apreendeu 12 caixas de som que estavam com banhistas na Praia de Ipanema.

O estacionamento na orla entre o Leme, na zona sul, e o Pontal, na zona oeste, continua proibido nos fins de semana e feriados, exceto para moradores e usuários de vagas especiais.

Edição: Valéria Aguiar

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias