Covid-19: Anvisa discute fornecimento de anestésicos para internados

Entidades dizem que há déficit do produto em todo o país

Publicado em 18/03/2021 - 21:42 Por Agência Brasil - Brasília

O desabastecimento de anestésicos e de outros medicamentos utilizados para intubação de pacientes com covid-19 foi tema de reunião, nesta quinta-feira (18), entre representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), de entidades que representam o setor de hospitais privados e da Associação Médica Brasileira (AMB).

De acordo com as entidades, há um déficit importante no estoque destes medicamentos em todo país. Para reverter este cenário, a Anvisa tem adotado medidas de flexibilização para que esses insumos sejam disponibilizados aos serviços, sem prejuízo de sua eficácia, qualidade e segurança.

A agência reguladora informou ainda que disponibiliza um painel com informações sobre a fabricação, importação e distribuição de anestésicos, sedativos, bloqueadores neuromusculares e agentes adjuvantes, entre outros medicamentos, empregados para a manutenção da vida de pacientes infectados pelo SARS-CoV-2.

Edição: Aline Leal

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias