Últimas notícias Bagdá

Site of a twin suicide bombing attack in a central market in Baghdad
Internacional

Estado Islâmico reivindica atentados suicidas em Bagdá

Atentados foram os piores dos últimos três anos. Em mensagem no Twitter, o presidente iraquiano, Salam Saleh, considerou os ataques "tentativas malignas de abalar a estabilidade do país".

Internacional

Três granadas-foguete atingem Embaixada dos EUA no Iraque

Três das cinco granadas-foguete lançadas hoje em Bagdá caíram na embaixada norte-americana, atingindo uma cantina durante a hora de jantar, mas sem causar vítimas, disse fonte dos serviços de segurança. A agência noticiosa francesa AFP adianta que é a primeira vez que os disparos de mísseis atingem diretamente a Embaixada dos Estados Unidos, localizada na "Zona Verde" de Bagdad, que tem sido alvo de tentativas de ataque nos últimos meses.
Internacional

Milhares de iraquianos atacaram a Embaixada dos EUA em Bagdá

A Embaixada dos Estados Unidos em Bagdá está ocupada por milhares de iraquianos. Os manifestantes forçaram a entrada na missão diplomática dos Estados Unidos dentro do complexo de alta segurança na capital do Iraque.

Internacional

Aumenta para 36 o número de mortos em duplo atentado em Bagdá

Pelo menos 36 pessoas morreram nesta segunda-feira (15) e 91 ficaram feridas no duplo atentado em Bagdá contra um grupo de trabalhadores, revelou uma fonte médica. A informação é da Agência EFE. As explosões aconteceram de forma quase simultânea e foram feitas por dois terroristas suicidas, com cinturões explosivos, no começo da manhã, na Praça Al Tayaran, no centro da capital iraquiana, segundo uma fonte da Polícia iraquiana.

Internacional

Duplo atentado em Bagdá deixa pelo menos 26 mortos e 75 feridos

Pelo menos 26 pessoas morreram e 75 ficaram feridas nesta segunda-feira (15) em um duplo atentado em Bagdá, um deles contra um grupo de trabalhadores, informou uma fonte da Polícia iraquiana. Segundo a fonte, as explosões ocorreram de forma quase simultânea e foram feitas por dois terroristas suicidas, com cinturões explosivos, no começo da manhã na Praça Al Tayaran, no centro da capital iraquiana.