Inter derruba série invicta do Palmeiras pelo Brasileiro Feminino

Em Manaus, Minas complica Iranduba na luta contra o rebaixamento

Publicado em 05/10/2020 - 21:10 Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional - São Paulo

O Internacional interrompeu uma sequência de sete jogos de invencibilidade do Palmeiras na Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. Nesta segunda-feira (5), mesmo atuando no Allianz Parque, em São Paulo, as Gurias Coloradas derrotaram as palestrinas por 3 a 1, pela 13ª rodada da competição, e estão virtualmente classificadas às quartas de final.

O Colorado saiu na frente aos 16 minutos do primeiro tempo, em cobrança de falta da meia Djeny, no ângulo. O segundo saiu no início da segunda etapa, com Belinha. Aos nove minutos, a lateral aproveitou o rebote da goleira Vivi, após escanteio batido pela meia Rafa Travalão na pequena área, e mandou para as redes. Aos 17, Vivi deixou a bola escapar ao tentar cortar um passe da atacante Byanca Brasil e a também atacante Jheniffer marcou o terceiro. O Palmeiras descontou aos 21, com a atacante Rosana, na sobra de um cruzamento da lateral Isabella que parou no travessão.

A equipe gaúcha assumiu o terceiro lugar, com 27 pontos. A distância para o Flamengo, nono colocado e primeiro time fora da zona de classificação, é de seis pontos. O Rubro-Negro ainda pode alcançar o Inter em pontos e número de vitórias.  O Verdão permanece com 24 pontos, no G-8, mas caiu para sétimo, devido à vitória da Ferroviária sobre o Santos, na Vila Belmiro, por 2 a 1, no duelo que encerrou a rodada.

Ferroviária x Santos

A meia Rafa Mineira, com um golaço por cobertura, da intermediária, colocou as Guerreiras Grenás à frente, aos 42 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, a goleira Luciana se destacou com duas defesas importantes, inclusive a de um pênalti batido pela atacante santista Larissa. Aos 22, a meia Aline Milene ampliou para o time de Araraquara (SP). Dois minutos depois, a atacante Thaisinha diminuiu para as Sereias, que pressionaram, mas não conseguiram o empate. A Ferroviária foi a 26 pontos, na quinta posição. O Alvinegro, já classificado, é o vice-líder, com 30 pontos

Minas Brasília x Iranduba

Em outro jogo desta segunda, o Minas Brasília foi a Manaus e derrotou o Iranduba por 2 a 0, em duelo direto contra o rebaixamento. A atacante Bárbara, capitã do Minas, balançou as redes duas vezes, aos 39 minutos do primeiro tempo e aos 11 do segundo tempo. O Hulk da Amazônia teve a chance de diminuir nos acréscimos do segundo tempo, mas a atacante Brenda não converteu a penalidade.

A vitória manteve as brasilienses na 12ª posição, agora com 14 pontos. São quatro de vantagem para o próprio Iranduba, que abre o Z-4, em 13º. Um novo triunfo nas duas rodadas finais da primeira fase, contra Cruzeiro ou Internacional, garante a permanência do Minas na Série A1. Às amazonenses, resta torcer contra o time da capital federal e ganhar os dois próximos compromissos, diante de Avaí/Kindermann e Palmeiras.

O resultado na Arena da Amazônia também confirmou o rebaixamento do Audax, 14º colocado, com sete pontos, podendo chegar somente a 13. Ao time de Osasco (SP), o melhor placar em Manaus seria o empate, já que uma vitória do Iranduba levaria o Hulk a 13 pontos, mas com um saldo de gols bem superior ao das paulistas, que ficaram em situação difícil ao serem goleadas pelo Flamengo no domingo (4), por 4 a 0.

Confira a classificação completa da Série A1 do Brasileiro Feminino.

Edição: Liliane Farias

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias