Handebol brasileiro estreia no Sul-Centro Americano contra o Paraguai

Jogo a partir das 20h terá transmissão ao vivo no Canal Olímpico

Publicado em 25/01/2022 - 18:52 Por Agência Brasil - Rio de Janeiro

A seleção brasileira masculina de handebol estreia logo mais, às 20h (horário de Brasília) no Campeonato Centro Sul-Americano, contra o Paraguai, no Ginásio Geraldão, em Recife (PE). O jogo, que terá transmissão ao vivo no Canal Olímpico, marca o início do ciclo olímpico rumo para a Olimpíada de Paris (França), em 2024. A partida será aberta ao público, limitado a 300 pessoas: até 54 anos será exigido o passaporte da vacina contra covid-19 com duas doses ou imunização única; a partir dos 55 anos também será cobrada a dose de reforço. 

 A competição reúne as melhores sete seleções dos dois continentes: além do Brasil e Paraguai,  Argentina, Bolívia,  Chile, Costa Rica e Uruguai.  O torneio garante vaga para o Pan-Americano de 2023, em Santiago (Chile) e não só: os quatro primeiros colocados se credenciam à Copa do Mundo de Handbol (IHF Handball Word Cup), programado para ocorrer na Suécia e Polônia, também no ano que vem. 

Ao todo  21 atletas foram convocados no final de dezembro para o Sul Centro-Americano e iniciaram a preparação física no dia 3 deste mês em São Paulo, onde permaneceram treinando até a última quinta (19). De lá para cá, foram cortados o armador Guilherme Linhares, Pedro Pacheco e Tarcisio Freitas - estes dois últimos se lesionaram e foram substituídos por Denys Barros (Taubaté) e Cauê Ceccon (Pinheiros).

“ Queremos entrar 1000% no Sul-Centro, nosso foco é esse, e para isso temos que treinar para fazer a Seleção jogar bem. Nossa meta é chegar na final e ganhar. Este é o nosso objetivo”, afirmou o técnico Marcus Tatá, que comanda a seleção desde outubro de 2020. 

O Brasil está no Grupo B, junto com Chile, Paraguai e Costa Rica. O segundo adversário da seleção será a Costa Rica, nesta quarta-feira (26), e o terceiro será o Chile na quinta (27), ambos os jogos com início às 20h. Os dois primeiros colocados em cada chave avançam às semifinais, programadas para sexta (28), às 18h e 20h. A final será no sábado (29).

Além de Denys Barros e Cauê Ceccon, o treinador Marcus Tatá terá a sua disposição os jogadores Thiagus Petrus, Haniel Langaro, Ponciano, Chiuffa, Bombom e Rangel, Raul Nantes, o goleiro Alan, Gui Linhares e  Arthur.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Últimas notícias