Noruega sai da lanterna, atropela Filipinas e avança em 2º do Grupo A

Co-anfitriã Nova Zelândia dá adeus à Copa após empate com Suíça

Publicado em 30/07/2023 - 13:17 Por Igor Santos - Repórter da EBC - Rio de Janeiro

O grupo A da Copa do Mundo Feminina foi o primeiro a ser concluído, neste domingo (30). As classificadas às oitavas de final foram definidas apenas hoje, na terceira e última rodada. A surpresa maior foi a classificação da Noruega, que ainda não havia marcado nos jogos anteriores. As norueguesas entram em campo na lanterna do Grupo A, aplicaram 6 a 0 nas Filipinas, em Auckland (Nova Zelândia) e avançaram na segunda posição da chave, com quatro pontos. No saldo de gols (cinco contra zero), as norueguesas deixaram de fora as co-anfitriãs neozelandesas, que terminaram com a mesma pontuação ao empatarem sem gols com a Suíça, diante da torcida local no estádio de Dunedin.

A Noruega praticamente selou o resultado do duelo em Auckland na primeira etapa. A atacante Sophie Roman Haug foi o grande destaque. Logo aos seis minutos, ela abriu o placar com um golaço, quando completou de primeira um cruzamento da direita e encobriu a goleira Olivia McDaniel.

A atacante norueguesa ampliou aos 17, de cabeça. Aos 31, Hansen fez o terceiro com um chute de fora da área.

Na volta para o segundo tempo, a Noruega logo aumentou a vantagem, com um gol contra de Alicia Barker e outro de pênalti, de Reiten. Nos acréscimos, Sophie Roman Haug marcou o terceiro dela para dar números finais à partida.

A Noruega agora aguarda pelo resultado de Japão e Espanha, nesta segunda (31), para saber quem será sua adversária nas oitavas de final, no sábado (5), em Wellington, capital da Nova Zelândia. Como terminou em segundo, a seleção norueguesa enfrenta quem terminar em primeiro no grupo C. Espanholas e japonesas estão separadas por um gol de saldo na tabela, ambas com seis pontos.

Suíça segura Nova Zelândia e avança em primeiro lugar

A expectativa era grande por um inédito avanço da Nova Zelândia ao mata-mata da Copa do Mundo. No entanto, a defesa suíça frustrou as esperanças dos torcedores presentes ao Estádio Dunedin e segurou um 0 a 0 que bastou para classificar a equipe europeia em primeiro lugar no grupo A, com cinco pontos. A Suíça terminou a primeira fase sem sofrer gols.

No entanto, esteve bem perto de ter a meta vazada aos 22 da primeira etapa, quando a atacante Hand foi lançada dentro da área e deu um toque por cima da goleira Thalmann. A bola tocou caprichosamente na trave esquerda e não entrou.

A seleção da casa pressionou e criou muito mais do que as adversárias ao longo da partida. Foram doze finalizações contra apenas três da Suíça. No entanto, não teve sorte para conseguir furar o bloqueio suíço.

Assim como a Noruega, a Suíça agora volta todas as atenções para o confronto entre Espanha e Japão, que fecha o grupo C nesta segunda. Ao contrário das norueguesas, as suíças esperam pela seleção que terminar em segundo para definir o duelo das oitavas, no sábado, em Auckland.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Últimas notícias