Brasileiros deixam embarcação Costa Fascinosa em Santos

Anvisa autoriza desembarque após resultado negativo nos tripulantes

Publicado em 06/04/2020 - 13:38 Por Flávia Albuquerque - Repórter da Agência Brasil - São Paulo

Os 75 brasileiros que trabalhavam a bordo do navio Costa Fascinosa, atracado no Porto de Santos, deixaram a embarcação após seus testes para covid-19 darem negativo e terem autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o desembarque. A operação ocorreu ontem (5) foi toda monitorada pela equipe da Anvisa em Santos.

Segundo a agência, os tripulantes foram monitorados nos últimos dias e passaram por análise clínica, além do teste. Ao todo foram aplicados 75 kits de testagem rápida nos tripulantes e nenhum apresentou sintomas da doença.

Com o desembarque dos brasileiros, o Costa Fascionosa permanece com 679 tripulantes a bordo da embarcação. Antes do desembarque de domingo, nove tripulantes haviam saído do navio para atendimento de emergência e um médico da embarcação também precisou deixar o navio com suspeitas de infarto na noite de sábado (4). A equipe de saúde a bordo da embarcação permanece a bordo com quatro enfermeiros e um médico.

Foram aplicados dois tipos de testes nos tripulantes do navio. O de anticorpos IgG, que, quando é positivo, significa que a pessoa já teve contato com o vírus e possui anticorpos com uma possível resistência da covid-19 (indica uma infecção que já passou); e o de anticorpos IgM, que, quando está presente, mostra que a pessoa tem o vírus naquele momento e seu sistema imunológico está produzindo anticorpos contra ele.

Histórico

De acordo com a Anvisa, a análise epidemiológica e as medidas de isolamento a bordo mostram que neste momento é mais seguro retirar da embarcação as pessoas saudáveis, permitindo a redução das possibilidades de transmissão a bordo do navio e fazer com que as pessoas cumpram o isolamento em casa.

Os tripulantes saem do navio de acordo com os horários dos voos ou dos ônibus e vans (fretados) para fazer o transporte dos brasileiros. Eles são levados de forma direta, da porta do navio até o aeroporto ou seu próprio domicílio. “As vigilâncias epidemiológicas dos estados para onde os brasileiros estão retornando são avisadas para que possam tomar as medidas locais de monitoramento em cada localidade”, explicou a Anvisa.

O Costa Fascinosa está na região do Porto de Santos desde o dia 17 de março. A embarcação atracou no terminal de passageiros no dia 28.  Até o momento nove tripulantes desceram por estarem com suspeita de covid-19 e por precisarem de atendimento hospitalar onde testaram positivo e seguem em tratamento.

A Anvisa já fez duas inspeções a bordo do transatlântico para verificar se as determinações sanitárias estão sendo cumpridas.

Segundo a Anvisa, a Costa Cruzeiros, responsável pelo navio, está obrigada a apresentar todos os dias, até as 21h, os dados de saúde a bordo, a atualização do estado de saúde dos tripulantes internados e o registro de medição de temperatura de todos no navio, que deve ser feita duas vezes ao dia.

A Costa Cruzeiros informou que está atuando em cooperação com a Anvisa para planejar o desembarque seguro dos tripulantes.

“A companhia está trabalhando para garantir aos tripulantes o retorno aos seus destinos de origem. Todos os procedimentos de higiene e saneamento estão de acordo com as últimas diretrizes internacionais e visam preservar a saúde da tripulação. A condição de saúde está constantemente sendo monitorada pelo pessoal médico a bordo, em colaboração com as autoridades sanitárias brasileiras”, afirmou a Costa Cruzeiros.

Edição: Maria Claudia

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Mega-Sena, loterias, lotéricas
Geral

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar R$ 12,5 milhões

A quina teve 16 acertadores e cada um vai receber R$ 81.484,20. Os 1.545 ganhadores da quadra receberão o prêmio individual de R$ 1.205,49.

 Esculturas de musas na fachada do prédio da sede do Museu Nacional, na Quinta da Boa Vista, zona norte da cidade
Geral

Alerj autoriza repasse de verbas para obras no Museu Nacional

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro autorizou o repasse de verbas complementares para a reconstrução do Museu Nacional, destruído por um incêndio em 2018.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, fala à imprensa no Palácio do Planalto, sobre os 500 dias de governo
Economia

Guedes diz que não apoia eventual tentativa de furar teto de gastos

O ministro Paulo Guedes reafirmou que não há apoio para uma eventual tentativa de furar o teto de gastos do governo para garantir investimentos públicos no país.

Covid-19: Fiocruz amplia capacidade nacional de testagem
Saúde

Covid-19: Brasil registra mais 1.274 mortes e 52.160 casos

País tem 3.109.630 casos de covid-19 acumulados desde o início da pandemia. Desse total, 3,3% dos pacientes morreram, 72,1% se recuperaram e 24,6% estão em tratamento.

Geral

Operação Verde Brasil 2 completa três meses de atuação na Amazônia

Operação tem objetivo de combater crimes ambientais e tem a participação de integrantes da Forças Armadas, em conjunto com agentes de órgãos ambientais.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, fala à imprensa no Palácio do Planalto, sobre os 500 dias de governo
Economia

Guedes confirma que dois secretários da pasta pediram demissão

O secretário especial de Desestatização, Salim Matar, e o secretário de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Uebel, pediram demissão ao ministro.