SP promove Maio Amarelo com ações para conscientização no trânsito

Cidade registrou recorde de mortes no trânsito no primeiro trimestre

Publicado em 07/05/2023 - 15:46 Por Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil - São Paulo

Ao longo de todo o mês de maio, a prefeitura de São Paulo promove ações e eventos para sensibilizar a população no chamado Maio Amarelo, movimento internacional da luta pela redução da mortalidade no trânsito.

Com o slogan No Trânsito, Escolha a Vida, a programação do governo municipal foi pensada com foco no respeito às leis de trânsito, reforçando a importância do uso do capacete por motociclistas e do cinto de segurança, além de não dirigir sob o efeito de álcool e nem exceder os limites de velocidade. A prefeitura também quer reforçar ações de conscientização sobre o uso da faixa de pedestres e de respeito aos semáforos.

Somente nos primeiros meses deste ano, a capital paulista registrou o maior número de mortes no trânsito dos últimos sete anos. Ao todo, 209 pessoas morreram em decorrência de acidentes, segundo dados do Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga-SP).

Esse é o maior número de mortes de trânsito para um primeiro trimestre desde 2016, quando ocorreram 233 óbitos. Nesse mesmo período do ano passado, 188 pessoas morreram em acidentes de trânsito na cidade de São Paulo.

Entre as ações programadas pela administração municipal para o Maio Amarelo estão a instalação de um banner e do laço símbolo da campanha na fachada do prédio da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), na rua Barão de Itapetininga, no centro da capital. Também haverá uma iluminação amarela especial em prédios turísticos e públicos de São Paulo, como a Biblioteca Mário de Andrade e a Ponte Estaiada Octavio Frias de Oliveira.

As ações e eventos serão promovidos por diversos órgãos municipais e ocorrem em pontos espalhados por várias regiões da cidade. Para enfatizar a segurança no trânsito, estão programadas peças de teatro, caminhadas, palestras, apresentação de filmes e workshops.

A CET, por exemplo, promove um simulador de embriaguez, ação educativa que acontecerá no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (MASP) no dia 19 de maio. Também estão previstas uma caminhada de pessoas idosas pela Avenida Paulista no dia 21 de maio e um passeio que foi chamado Paz no Trânsito, em que motociclistas vestindo coletes sobre jaquetas irão circular em fila indiana pela faixa azul da Avenida dos Bandeirantes, no dia 31 de maio.

A programação completa do Maio Amarelo pode ser consultada nos sites da CET e da SPTrans, empresa que administra o transporte público municipal por ônibus na capital paulista.

Edição: Denise Griesinger

Últimas notícias