Evento cultural na UFF traz reflexão sobre racismo na sociedade

Atelerió exalta ancestralidade para buscar sociedade antirracista

Publicado em 06/11/2023 - 13:49 Por Agência Brasil - Rio de Janeiro

A Universidade Federal Fluminense (UFF) promove, a partir desta segunda-feira (6), a segunda edição de seu projeto Atelerió. O evento cultural busca trazer reflexões sobre o racismo na sociedade e o papel da ancestralidade negra na luta antirracista, através de rodas de conversa, peças de teatro, shows e outras atividades culturais. 

O tema desta edição é Aquilombamento, cuidado e cura e traz a ideia de que aquilombar-se – ou seja, aglutinar as comunidades negras em eventos, projetos, grupos ou espaços – é um caminho para o autocuidado dessa população. 

O Atelerió também homenageará mulheres negras que se destacam nas universidades, entre elas a educadora Helena Theodoro, que é referência na pesquisa sobre cultura negra, e a ex-pró-reitora de Graduação da UFF Alexandra Anastácio, falecida em julho deste ano.  

“É momento de homenagear as mulheres pretas de ontem e hoje, as que vieram de longe, em caminhadas que atravessaram gerações, dores e nos inspiram a seguir resistindo para existir”, explica Janaína Dias, uma das coordenadoras do evento. 

A programação do evento, que se estende até o próximo domingo (12), pode ser conferida no perfil do Centro de Artes da UFF no Instagram. 

Rio de Janeiro (RJ), 14/04/2023 - Entrevista com a professora Helena Theodoro, radialista aposentada pela Rádio MEC. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Uma das homenageadas é a pesquisadora Helena Theodoro, radialista aposentada pela Rádio MEC. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil.

Edição: Denise Griesinger

Últimas notícias