Ex-candidato à presidência do Panamá é detido por envolvimento com Odebrecht

Publicado em 30/08/2017 - 07:37 Por Da Agência EFE - Panamá

José Domingo Arias, ex-candidato à presidência do Panamá pelo partido do ex-presidente Ricardo Martinelli, foi detido provisoriamente nessa terça-feira (29) para prestar depoimento sobre suposta doação de dinheiro da construtora Odebrecht à campanha política nas eleições de 2014, informou sua defesa.

Arias foi detido no Aeroporto Internacional de Tocumen, quando tentava viajar sem notificar o Ministério Público, que conduz as investigações. Ele foi levado para a Promotoria Anticorrupção, disse à Agência EFE uma fonte da Justiça.

Armando Guerra, advogado de Arias, confirmou aos jornalistas que a detenção provisória do ex-candidato presidencial por 48 horas foi determinada pela Promotoria. Guerra explicou que "é uma ordem de prisão provisória e não um mandado de prisão preventiva".

"É um mandado provisório de prisão, na pendência da determinação da situação jurídica" do cliente, acrescentou Guerra, destacando que o MP consultará nesta quarta-feira (30), no Tribunal Eleitoral, a existência de "possível privilégio eleitoral" de Arias.

Em junho, após o primeiro depoimento, Arias, ex-candidato do partido Mudança Democrática (CD), de Martinelli, negou ter recebido dinheiro da Odebrecht para apoiar sua campanha política nas eleições gerais de 2014.

"Não, não recebemos dinheiro da Odebrecht" para a campanha, disse Arias aos jornalistas depois de encerrar um longo depoimento na Promotoria Anticorrupção.

O politico observou que não recebeu nenhuma medida cautelar e que irá, todas as vezes que precisar, à Promotoria com "as provas necessárias para mostrar a transparência" de sua campanha.

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
 O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, anuncia a nova modalidade do programa Corujão da Saúde, durante entrevista à imprensa
Educação

Prefeito de SP diz que volta às aulas na capital não tem data definida

Segundo ele, o retorno presencial poderá ocorrer a partir de 7 outubro, mesma data definida para o retorno pelo governo do estado, ou nos meses seguintes, até em 2021.

exame coronavirus COVID-19
Saúde

Covid-19 já causou mais de 14 mil mortes no estado do Rio

O número de pacientes que se recuperaram da covid-19 no estado do Rio chegou a 156.785. Estão em investigação 985 mortes por possível relação com o coronavírus.

Saúde

Amapá, Ceará e Rio de Janeiro seguem em alerta de uma segunda onda

O Boletim InfoGripe da Fiocruz indica que Amapá. Ceará e Rio de Janeiro mantêm o sinal de retomada do crescimento de novos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Avião de pequeno porte
Geral

Anac autoriza táxi-aéreo a vender assento individual

As empresas de táxi-aéreo aptas a fazer esse serviço estão listadas no sistema Voe Seguro, e podem ser consultadas no site da Anac. As regras foram publicadas no Diário Oficial da União.

 Incêndio no Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Divulgação/Parnaso)
Geral

Prossegue combate a incêndio florestal na Serra dos Órgãos

Hoje é o quarto dia consecutivo que o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro atua no combate ao incêndio florestal de grandes proporções no Parnaso.

medicina, hospital, centro cirúrgico, pacientes, tratamento, internação, equipamento hospitalar
Educação

Governo de SP autoriza retomada dos cursos na área da Saúde

Segundo o secretário de Educação de São Paulo, Rossieli Soares, o objetivo da volta das atividades em cursos da área de saúde é "garantir a formação médica”.