Londres tem manifestação por melhores salários e direitos trabalhistas

Publicado em 12/05/2018 - 12:49 Por Agência Brasil - Londres e Berlim

Dezenas de milhares de pessoas realizaram hoje (12) uma manifestação em Londres, na Inglaterra, por melhorias nos salários e nos direitos trabalhistas, e pela proteção dos serviços públicos, debilitados após uma década de cortes e medidas de austeridade no Reino Unido.

Com cartazes coloridos, muitos cânticos e palavras de ordem, a multidão - formada por famílias e trabalhadores de diversos setores, como professores, enfermeiras, carteiros e outros prestadores de serviços - fez uma passeata pelo centro da capital britânica, partindo de Victoria Embankment, às margens do rio Tâmisa, até o Hyde Park.

No parque, houve discursos de líderes sindicais e políticos, entre eles, o dirigente trabalhista Jeremy Corbyn, que defende os direitos dos trabalhadores diante dos ataques dos conservadores.

A manifestação foi convocada pela confederação sindical TUC, que pede Um Novo Pacto para os trabalhadores, com o aumento do salário mínimo, a proibição dos contratos de zero horas - que não oferecem garantias nem direitos - e maior investimento em educação e saúde.

Pressão

"Há um novo ambiente no país. O povo foi muito paciente, mas agora as pessoas pedem um novo pacto", declarou no início da passeata a secretária-geral da TUC, Frances O'Grady.

O líder do sindicato de Comunicações, Dave Ward, afirmou que "o mundo do trabalho se transformou em um ambiente de muita pressão, baseado em um mercado flexível e em falsos autônomos", em referência à proliferação de contratos precários e às pessoas que precisam se declarar como trabalhadores autônomos devido à falta de trabalho permanente.

Na manifestação de hoje, a TUC divulgou uma análise que demonstra que "os salários dos empregados estão sofrendo sua maior estagnação na história moderna".

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias