Israel escolhe amanhã o novo Parlamento

Netanyahu enfrenta dois fortes concorrentes

Publicado em 08/04/2019 - 07:54 Por Agência Brasil* - Brasília

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, busca amanhã (9) a reeleição para o quinto mandato. Nesta terça-feira serão escolhidos os novos integrantes do 21º Knesset (Parlamento) do país. Na disputa estão os candidatos parlamentares, entre os quais aquele que ocupará a cadeira de primeiro-ministro.  

Além de Netanyahu, concorrem ao cargo mais 12 candidatos, sendo que dois são considerados com mais chances. Benny Gantz, ex-chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, e Yair Lapid. Em discussão o projeto de lei que fixa regras sobre o serviço nacional para a população ultraortodoxa.

O Knesset tem 120 assentos, dos quais a maioria é ocupada pelo Likud, partido de Netanyhu, e seus aliados. Desde que Israel foi fundada em 1948, nenhum partido formou maioria absoluta.

Netanyahu está no poder há quase 13 anos e enfrenta resistências internas devido a investigações por desvios de conduta. Em comunicado, o Likud informou que pretende unir "as fileiras para garantir que os votos do direito não sejam perdidos".

*Com informações da DW, agência pública internacional de notícias da Alemanha

Edição: Renata Giraldi e Graça Adjuto

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Força Nacional de Segurança Pública atuará em Moçambique. Vinte bombeiros auxiliarão no resgate das vítimas do ciclone Idai que atingiu mais de 1,8 milhão de pessoas.
Geral

Bombeiros da Força Nacional vão combater incêndios em Mato Grosso

A Portaria 534/2020, assinada pelo ministro André Mendonça, atende pedido feito pelo governador Mauro Mendes e está publicada hoje no Diário Oficial da União. Equipe com 43 militares embarca nesta quarta-feira