Bolívia expulsa embaixadora do México e dois diplomatas espanhóis

´Personas non gratas´ terão 72 horas para deixar o país

Publicado em 30/12/2019 - 12:37 Por RTP (emissora pública de televisão de Portugal) - Lisboa

O Governo interino da Bolívia declarou hoje (30) a embaixadora do México Maria Teresa Mercado e os diplomatas espanhóis Cristina Borreguero e Álvaro Fernández como `personas non gratas`, dando-lhes 72 horas para deixarem o país.

"Este grupo de representantes dos governos do México e de Espanha prejudicaram gravemente a soberania do povo e do governo constitucional da Bolívia", afirmou a presidente interina do país, Jeanine Añez. O anúncio foi feito em comunidado do Palácio do Governo de La Paz

Os três diplomatas foram acusados de tentar ajudar ex-membros do governo do presidente deposto, Evo Morales, a sair da residência da embaixadora do México, onde estão desde a renúncia de Morales, em novembro, e a deixar o país.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias