Mortes por coronavírus na Espanha passam de 1.700

Publicado em 22/03/2020 - 14:06 Por Joan Faus - Madri

O número de mortos por coronavírus na Espanha subiu para 1.720 neste domingo (22), em relação aos 1.326 contabilizados até o dia anterior, segundo dados mais recentes do Ministério da Saúde.

O aumento de 394 mortes em um dia foi superior ao aumento de 324 no dia anterior. A Espanha está enfrentando o segundo pior surto de coronavírus da Europa, atrás apenas da Itália.

O número de casos registrados no país subiu para 28.572 neste domingo, saindo dos 24.926 da contagem anterior anunciada no sábado, mostraram os dados oficiais.

Dessas, 2.575 pessoas foram curadas do vírus, enquanto 1.785 estão hospitalizadas em unidades de terapia intensiva.

O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, disse no sábado que o governo fará o que for necessário para combater a pandemia e alertou que "o pior ainda está por vir".

O governo espanhol quer prolongar por mais 15 dias o estado de emergência de 15 dias imposto em 14 de março para tentar conter a disseminação do coronavírus, informaram vários meios de comunicação espanhóis neste domingo.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Rio de Janeiro - O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Jorge Picciani, devolve para o governo estadual medidas que constavam no pacote de ajuste fiscal (Tânia Rêgo/Agência Brasil)
Geral

Velório de Picciani ocorre no salão principal da Alerj

Picciani morreu aos 66 anos, na madrugada de ontem, no hospital Vila Nova Star, em  São Paulo, onde estava internado desde o dia 8 de abril, para tratar de um câncer na bexiga