Occhi diz que sai do ministério para cumprir decisão do PP de romper com governo

Ele sai do ministério para cumprir decisão do PP de romper com governo

Publicado em 13/04/2016 - 18:17 Por Paulo Victor Chagas - Repórter da Agência Brasil - Brasília

O ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, apresentou nesta tarde no Palácio do Planalto o pedido de exoneração do cargo informando que deixa a pasta depois que o PP, partido que o indicou, decidiu sair da base aliada e apoiar o impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Ele entregou uma carta na qual faz um “sincero agradecimento” a ela pela confiança conferida durante os dois anos em que permaneceu no governo.

Nessa terça-feira (12), o PP anunciou que a bancada da legenda decidiu, por “ampla maioria”, declarar voto favorável ao impeachment e entregar os cargos que têm no governo. Occhi apresentou a carta de demissão ao ministro-chefe do Gabinete Pessoal da Presidência, Jaques Wagner, porque quando esteve no Palácio a presidenta concedia entrevista a profissionais de dez veículos de comunicação.

Após o encontro com Wagner, o ministro, que permanece no cargo até que sua exoneração seja publicada no Diário Oficial da União, recebeu um telefonema de Dilma, lamentando o fato. Na carta de demissão, ele afirma deixar o ministério “com a certeza” de que se comprometeu e participou ativamente “para a melhoria das condições de vida do nosso povo”. Ele ainda afirma que a presidenta sempre merecerá seu respeito e atenção e diz esperar que ela aceite e compreenda a decisão.

Em março de 2014, Occhi assumiu o Ministério das Cidades e, no início do segundo mandato de Dilma, no ano passado, passou a chefiar a pasta da Integração Nacional. “A oportunidade que tive de representar Vossa Excelência e o Partido Progressista em inúmeras ações e de ter contribuído junto com as equipes com quem trabalhei em importantes projetos do governo, será guardada de forma permanente em minha vida”, escreveu.

Edição: Fábio Massalli

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
FILE PHOTO: Athletics - Paris Marathon
Esportes

Covid-19: Maratona de Paris reagendada para novembro é cancelada

Organizadores atribuem decisão a ressurgimento de casos na capital francesa. Evento costuma atrair cerca de 40 mil participantes e só voltará a ocorrer na edição de 2021. 

Brasília - Movimento nas rodovias do Distrito Federal na véspera do feriado de Carnaval (Elza Fiuza/Agência Brasil)
Economia

Pesquisa mostra que brasileiro viajou pouco no 3º trimestre de 2019

Os principais motivos alegados para nenhum morador do domicílio ter viajado no período pesquisado foi a falta de dinheiro (48,9%), falta de tempo (18,5%) e não ter necessidade (13,5%).

Internacional

Bielorrússia e Líbano são temas de reunião da UE na sexta-feira

"As eleições não foram nem livres nem justas. Procederemos a uma revisão aprofundada das relações da UE com a Bielorrússia, afirmaram em comunicado os 27 países do bloco.

Forte explosão na região portuária de Beirute
Política

Missão brasileira embarca com 6 toneladas de material a Beirute

Chefiada pelo ex-presidente Michel Temer, a missão leva 6 toneladas de materiais entre medicamentos, e alimentos a Beirute, que foi fortemente afetada por uma explosão há oito dias.

Fachada da Caixa Econômica Federal
Economia

Caixa credita hoje auxílio emergencial para nascidos em julho

O auxílio, com parcelas de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras), foi criado para reduzir os efeitos da crise econômica causada pela pandemia de covid-19.

Londres, coronavírus, covid - 19
Internacional

Museu da Ciência reabrirá em Londres no próximo dia 19

Museu oferece ingressos online com hora marcada para um número reduzido de visitantes, a fim de permitir o distanciamento social e controlar a movimentação.