Maggi lamenta fusão de pastas da Agricultura e do Meio Ambiente

Publicado em 31/10/2018 - 16:43 Por Débora Brito – Repórter da Agência Brasil - Brasília

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, lamentou a decisão do presidente eleito, Jair Bolsonaro, de fundir esta pasta com a do Meio Ambiente. Em nota, o ministro disse que a fusão "trará prejuízos ao agronegócio brasileiro”.

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, fala sobre o projeto que flexibiliza uso de agrotóxicos no país.
Pautas dos Ministérios da Agricultura e do Meio Ambiente coincidem em apenas alguns pontos, diz o ministro da  Agricultura,  Pecuária  e  Abastecimento,  Blairo  Maggi  -  Valter  Campanato/Arquivo/Agência  Brasil

Maggi argumentou que 66% do território do país está preservado devido à ação dos produtores brasileiros. O custo para manter as reservas ambientais nas propriedades é usado pelo ministro em viagens internacionais para favorecer os produtos nacionais no mercado global.

Assim como o ministro do Meio Ambiente, que também se manifestou mais cedo contra a fusão, Maggi esclareceu que as pautas dos dois ministérios convergem apenas em alguns pontos. “Existem muitos fóruns importantes nos quais o Brasil deve marcar sua posição, mas não será possível para um ministro participar de todos sozinho”, lembrou.

O ministro da Agricultura também ponderou que a pasta do Meio Ambiente trata de várias questões que não têm relação com o setor agro, como energia, infraestrutura, mineração e petróleo, e ressalta que seria dificílimo conciliar todos os assuntos sob um único comando.

Maggi já havia se posicionado contra a intenção de Bolsonaro durante o segundo turno das eleições. O então candidato do PSL chegou a sinalizar recuo, mas ontem (30), o deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS), indicado para comandar a Casa Civil, reiterou a decisão do novo governo de fundir as duas pastas.

O ministro Maggi lamentou novamente a ideia do novo governo e emitiu nota durante viagem aos Emirados Árabes, onde participa da exposição Agrispape.

Edição: Nádia Franco

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Bola, campeonato brasileiro
Esportes

Treze avança e garante clássico de Campina Grande na final paraibana

Galo da Borborema vence Botafogo no tempo normal e nas penalidades, e se garante na grande final da competição.

chape criciuma
Esportes

Chapecoense e Brusque se classificam para final do Catarinense

Verdão superou Criciúma na disputa de pênaltis, enquanto Quadricolor passou por Juventus com empate sem gols.

bahia x alagoinhas
Esportes

Baiano: Alagoinhas segura empate com Bahia no primeiro jogo da final

Desta forma, futuro campeão do estadual permanece totalmente indefinido. E tudo será decidido apenas no próximo sábado.

santa cruz x salgueiro
Esportes

Salgueiro faz história, bate Santa Cruz e leva título pernambucano

Pela primeira vez desde sua primeira edição, em 1915, o Campeonato Pernambucano tem um campeão de fora da capital Recife, o Carcará.

BELO HORIZONTE / MINAS GERAIS / BRASIL 05.08.2020 jogo entre América x Atlético no Estádio Independência pelo Campeonato Mineiro 2020 - Fotos: Bruno Cantini / Agência Galo / Atlético
Esportes

Mineiro: Atlético derrota América e está na final

Réver, Marrony e Savarino marcam no triunfo de 3 a 0. Tombense é o adversário do Galo na grande decisão.

O jogador Patrick de Paula, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Ederson, da SC Corinthians P, durante partida válida pela final, ida, do Campeonato Paulista, Série A1, na Arena Corinthians. (Foto: Cesar Greco)
Esportes

Corinthians e Palmeiras abrem final do Paulista com empate sem gols

Timão teve as melhores chances, mas parou em defesas de Weverton. Decisão fica aberta para partida de volta, no sábado (8), às 16h30 (horário de Brasília).