A história de Pureza: da luta contra o trabalho escravo ao cinema

Trabalhadora rural é considerada um ícone do combate a esta exploração

Publicado em 29/01/2021 - 09:09 Por Kariane Costa* - Repórter da Rádio Nacional - Brasília
Atualizado em 01/02/2021 - 19:18

Pureza Lopes Loyola é uma trabalhadora rural que, depois de ficar sem notícias do filho, em 1993, vendeu tudo o que tinha no Maranhão e saiu em uma jornada de três anos à procura dele. No trajeto se deparou com trabalhadores vítimas de maus tratos e em situação semelhante à escravidão. O reencontro de mãe e filho aconteceu três anos depois, no Pará, quando ele conseguiu fugir de uma fazenda da região.

A saga dessa maranhense foi parar nos cinemas. O diretor Renato Barbieri diz que o filme levou 12 anos para ficar pronto. Ele, que trabalha há décadas com temas ligados à escravidão, conheceu os detalhes dessa busca por meio de um amigo fotógrafo, e se inspirou na coragem de dona Pureza para contar a história.

Do interior do Maranhão a Londres. Dona Pureza recebeu um prêmio internacional contra a escravidão da AntiSlavery International Award, a ONG mais antiga e respeitada do mundo nessa temática.

A trajetória dessa mulher a transformou em um ícone na luta contra a exploração e os maus-tratos a trabalhadores. Aqui no Brasil, ela teve um papel importante para que o país passasse a reconhecer, em 1995, a existência do trabalho escravo moderno. Foi quando começaram os resgates, como explica o diretor Renato Barbieri.

O que pode explicar também porque muitos trabalhadores brasileiros têm dificuldade em reconhecer o trabalho escravo moderno. Na avaliação de Renato, nascemos dentro de uma mentalidade escravagista, que acompanha o brasileiro há séculos e acaba normatizando a escravidão.

O chamado trabalho escravo contemporâneo é caracterizado em quatro situações diferentes: condições degradantes de trabalho, jornada exaustiva, trabalho forçado e também a servidão por dívida, como explica o procurador Italvar Medina, vice-coordenador nacional de Erradicação do Trabalho Escravo e Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas.

O procurador explica ainda que, quando os trabalhadores são resgatados, o vínculo trabalhista é encerrado com direito a todas as verbas rescisórias. Se não houver acordo com o empregador, o caso vai pra Justiça, para que a vítima receba o que tem direito.

O empregador que explora o trabalho escravo fica sujeito à multa e responde à ação civil por danos morais e à ação criminal no Ministério Público Federal, além de entrar para lista suja do trabalho escravo.

Denúncia contra trabalho semelhante à escravidão pode ser feita por meio do Disque 100 ou pelo site mpt.mp.br ou ainda presencialmente nas procuradorias do Ministério Público ou nas superintendências.

*com sonoplastia de Messias Melo

 

Ouça as outras matérias da série especial sobre trabalho escravo

Trabalho escravo: 1,8 mil mulheres foram resgatadas em 15 anos

"Não nos calemos'', diz boliviana resgatada em situação degradante

 

Edição: Jéssica Gonçalves / Adrielen Alves

Últimas notícias
Saúde

Vacinação infantil contra a covid completa uma semana no Brasil

Ainda não há um balanço oficial que reúna os dados de todos estados de quantas crianças foram vacinadas até agora.

Baixar arquivo
Saúde

Saúde vai distribuir seis milhões de doses da CoronaVac para crianças

Após a Anvisa autorizar o uso do imunizante por crianças e adolescentes de seis a 17 anos, agora a meta é vacinar pelo menos 10% desse público em cada estado.

Baixar arquivo
Geral

Brasileiro desperdiça 60 quilos de comida por ano, diz Embrapa

Em muitos casos, isso acontece porque as pessoas não sabem utilizar integralmente frutas, verduras, legumes, ou até mesmo aquele alimento já cozido que fica esquecido no fundo da geladeira.

Baixar arquivo
Economia

Empresas podem regularizar débitos no Simples Nacional até 31 de março

O Comitê Gestor do Simples Nacional decidiu nesta sexta-feira prorrogar por dois meses a medida que valeria até 31 de janeiro.

Baixar arquivo
Segurança

Mais de 160 mil chaves PIX foram vazadas, confirma Banco Central

Os códigos pertencem ao banco digital Acesso Soluções de Pagamento. No comunicado, o Banco Central explicou que o vazamento ocorreu por causa de falhas pontuais nos sistemas de segurança do banco.

Baixar arquivo
Política

Governo estuda propor PEC para reduzir preços de combustíveis

Com a mudança constitucional, o governo não seria obrigado a compensar a redução dos impostos sobre combustíveis com a elevação de outros tributos, como determina a Lei de Responsabilidade Fiscal. 

Baixar arquivo