Brasileiros no exterior poderão usar biometria para prova de vida

INSS fará bloqueio de benefício caso não haja comprovação

Publicado em 19/10/2020 - 14:29 Por Dayana Vítor - Brasília

O novo coronavírus mudou muita coisa neste ano, inclusive a forma que os beneficiários do INSS que moram no exterior têm para comprovar que estão vivos.

Para quem não sabe, a cada ano é preciso fazer a prova de vida para continuar recebendo o dinheiro a que têm direito. Quem não fizer, tem o benefício bloqueado. Mas, agora em 2020 é possível fazer essa comprovação por meio do aplicativo MEU INSS.

Haverá a opção da biometria facial para algumas pessoas. Aí, o beneficiário deve escolher essa opção no aplicativo e apontar o celular para o seu rosto. Neste momento, o programa armazena a imagem da face para confirmar em um banco de dados se a pessoa tem direito ao benefício previdenciário.

Mas, nos casos em que a interessado não conseguir fazer esse procedimento será possível comprovar que não morreu, encaminhando um atestado de vida, disponível no site inss.gov.br, para esse mesmo endereço eletrônico ou para o aplicativo MEU INSS. Porém tem um detalhe, nesse caso é necessário registrar o documento em cartório ou órgão definido pelo país onde a pessoa vive.

Também é possível levar pessoalmente o documento à Agência de Acordos Internacionais ou à Coordenação-Geral de Pagamentos e Gestão de Serviços Previdenciários do país.

A boa notícia é que se o brasileiro residente no exterior estiver com o benefício do INSS bloqueado há menos de 60 dias da realização dessa prova de vida, e der tudo certo, o dinheiro será liberado automaticamente.

Edição: Adrielen Alves

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Cultura

Perto dos 90 anos, Zuenir Ventura estreia série Depoimentos Cariocas

Vídeos sobre a memória da cidade do Rio de Janeiro, por meio do olhar de quem já contou tantas histórias sobre ela, são o tema da série “Depoimentos Cariocas”.

Baixar arquivo
Saúde

SP: motoristas e cobradores de ônibus começam a ser vacinados

Motoristas e cobradores de ônibus municipais e intermunicipais do estado de São Paulo começaram a ser vacinados nesta terça-feira. Vão receber a vacina as pessoas com mais de 47 anos, e a previsão é imunizar 165 mil trabalhadores.

Baixar arquivo
Saúde

Câmara discute autorização do cultivo da maconha para uso medicinal

Agressão e bate-boca marcaram a discussão na Câmara dos Deputados sobre o projeto de lei que autoriza o cultivo da maconha para fins medicinais e a votação da medida foi adiada.

Baixar arquivo
Segurança

Golpe! Falsários enviam carta informando sobre supostas indenizações

Mais um golpe na praça. Tem gente se passando por representante do Ministério da Economia e enviando uma carta para contribuintes informando sobre supostas indenizações ou resgate de contribuições previdenciárias.

Baixar arquivo
Internacional

Consulado do Japão oferece 6 tipos de bolsas de estudo a brasileiros

As oportunidades são para cursos de graduação com duração de 5 anos; escola técnica com previsão de formação em 4 anos e cursos profissionalizantes com duração de 3 anos.

Baixar arquivo
Saúde

Prefeitura do Rio vacina pessoas a partir de 41 anos com comorbidades

A partir desta semana, a Prefeitura do Rio de Janeiro passa a vacinar duas faixas etárias por dia contra a covid-19. A imunização será para quem tem 42 e 41anos e tem comorbidades. Profissionais de saúde também devem procurar os postos de vacinação de acordo com a idade.

Baixar arquivo