Apesar da queda da Selic, bancos mantêm juros de empréstimos

Publicado em 17/02/2024 - 14:59 Por Gabriel Brum - Repórter da Rádio Nacional - Brasília
Atualizado em 26/02/2024 - 17:33

Apesar da queda da taxa Selic, quatro dos maiores bancos do Brasil não mexeram nos juros cobrados em empréstimos pessoais entre janeiro e fevereiro. Essa informação é do Procon de São Paulo, que fez uma pesquisa com os seis principais bancos do país.

Segundo o levantamento, com dados coletados no dia 5 deste mês, a taxa média do crédito pessoal era de 7,94% ao mês. Uma queda de apenas 0,01 ponto percentual. Praticamente a mesma do mês anterior.

A taxa Selic está atualmente em 11,25% ao ano. Ela começou a cair em agosto do ano passado. Já são cinco reuniões seguidas com cortes de meio ponto percentual.

Já o cheque especial não muda desde fevereiro de 2021, com uma taxa média de juros de 7,96% ao mês cobrada pelos bancos. Desde 2020, o Banco Central limitou a cobrança a até 8% ao mês para pessoas físicas.

Em nota, a Febraban, Federação Brasileira de Bancos, afirmou que a pesquisa do Procon avalia apenas a variação de um mês, de janeiro a fevereiro, e em poucos bancos. A Federação afirma que é necessário observar a evolução desde que a taxa Selic começou a cair. Segundo a entidade, de maio de 2023 a dezembro do mesmo ano, a taxa média de juros dos empréstimos às famílias passou de 2,72% ao mês para 2,43%. E o cheque especial ficou em 7,12% ao mês em dezembro do ano passado.

* Matéria atualizada para acréscimo da nota da Febraban 

Edição: Paula de Castro / Fran de Paula

Últimas notícias
Economia

Haddad antecipa volta ao Brasil e mira pautas econômicas no Congresso

Após participar da 2ª Reunião de Ministros da Fazenda e Presidentes de Bancos Centrais do G20, o ministro brasileiro ainda teria agenda com FMI, Banco Mundial e representantes europeus para assuntos econômicos. 

Baixar arquivo
Saúde

Gestores locais vão decidir sobre ampliação da vacina contra a dengue

O esforço é para que não se perca as doses que vencem dia 30 de abril. A ministra da Saúde, Nísia Trindade, faz apelo para que as famílias levem as crianças e adolescentes aos postos de vacinação. E confirmou que a segunda dose está garantida, para quem tomou a primeira.  

Baixar arquivo
Geral

Mulher que levou morto a banco permanecerá em prisão preventiva

Juíza considerou a gravidade da conduta, o que justificaria a prisão preventiva. A mulher alega que o tio estava vivo quando chegou ao banco, o que é desmentido pelo SAMU.  

Baixar arquivo
Internacional

G20: Haddad cobra recursos dos países para desenvolvimento sustentável

O ministro da fazenda lembrou que os países assumiram compromissos da Agenda 2030 da ONU. Entre eles, o combate à fome e a limitação do aumento da temperatura do planeta.

Baixar arquivo
Cultura

Dia Nacional do Livro Infantil: páginas de diversidade e liberdade

Os escritores Yaguarê Yamã e Priscila Obací contam como viraram escritores de livros infantis e sobre a responsabilidade de dar visibilidade às culturas indígena e negra na infância. 

Baixar arquivo
Direitos Humanos

OAB alerta para o aumento de violência patrimonial contra idosos

Segundo o Estatuto da Pessoa Idosa, o ato de receber ou desviar bens, dinheiro ou benefícios de pessoas com 60 anos ou mais pode ser punido com multa e pena de reclusão de um a quatro anos. 

Baixar arquivo