Cabral e Adriana Ancelmo trocam bens por redução de pena

Lava Jato

Publicado em 31/07/2018 - 14:40 Por Ícaro Matos - Rio de Janeiro

Parte dos bens do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral e da ex-primeira dama Adriana Ancelmo vão a leilão no dia 4 de setembro. A data foi confirmada pela Justiça Federal, nessa segunda-feira (30).


Entre os itens que poderão ser arrematados estão a mansão de Cabral, em Mangaratiba, no litoral sul do Rio de Janeiro, avaliada em R$ 8 milhões.


Também serão leiloados, no mesmo dia, a lancha do ex-governador, avaliada em R$ 4 milhões, três carros de luxo, um jet ski e um barco.


O dinheiro arrecadado será utilizado para ressarcir os danos causados aos cofres públicos, pelos crimes cometidos por Cabral e Adriana.


Os bens que não forem arrematados vão novamente a leilão, no dia 13 de setembro. O edital com as informações sobre o processo será divulgado em breve.


O leilão será possível porque Cabral e Adriana fizeram a entrega voluntária de seus bens, que estavam bloqueados pela Justiça.


O gesto fez o juiz da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, Marcelo Bretas, responsável pelas ações da Operação Lava Jato, no estado, reduzir as penas recebidas pelo casal no processo originado pela Operação Eficiência, que investiga um esquema de corrupção envolvendo políticos, agentes públicos e empresários.


O magistrado abateu dois terços da pena que Cabral recebeu pelo crime de lavagem de dinheiro. A sentença inicial, que era de 6 anos e 6 meses de prisão, caiu para 2 anos e 2 meses.


Como também foi condenado por corrupção passiva e evasão de divisas, a pena total do ex-governador no processo foi de 22 anos e 8 meses de prisão.


Já Adriana Ancelmo teve a pena de 4 anos de reclusão por lavagem de dinheiro extinta e foi sentenciada apenas pelo crime de corrupção passiva, a 4 anos e 6 meses de prisão.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Meio Ambiente

Desmatamento e queimadas são discutidos em audiência pública do STF

Evento foi convocado pelo ministro Luis Roberto Barroso como etapa de ação contra o governo federal sobre o Fundo Nacional sobre a Mudança do Clima. 33 representantes do governo e de instituições da sociedade civil ligados ao meio ambiente e aos direitos humanos participaram do primeiro dia de debates.

Baixar arquivo
Justiça

TRE tem maioria para tornar Crivella inelegível; julgamento é suspenso

O prefeito do Rio é alvo de ações que pedem sua inelegibilidade até 2026 por sua participação em dois eventos realizados em 2018. Decisão cabe recurso. Crivella é candidato à reeleição e pode concorrer ao cargo até que todos os recursos estejam esgotados.

Baixar arquivo
Cultura

Lei Aldir Blanc: trabalhadores do RJ começam a se cadastrar

Artistas, produtores, técnicos, artesãos e outros trabalhadores da área da cultura podem se inscrever até 19 de outubro para solicitar o auxílio. Valor de R$ 600 será concedido por três meses seguidos

Baixar arquivo
Geral

Correios: TST determina 2,6% de reajuste a empregados e fim da greve

Julgamento do dissídio coletivo ocorreu nesta terça-feira. Greve foi considerada não abusiva, mas metade dos dias parados será descontada, e a outra metade compensada. 50 cláusulas de direitos antes conquistados pelos trabalhadores foram cortadas.

Baixar arquivo
Geral

Volta a chover no DF após cinco meses de seca

Previsão é de mais chuvas nos próximos dias, mas estiagem deve voltar no próximo final de semana

Baixar arquivo