Ocupação irregular cresce na Amazônia, diz pesquisa

Publicado em 09/11/2021 - 16:40 Por Isidoro Calixto - Repórter da Rádio Cultura - Pará

O levantamento do projeto Mapbiomas, divulgado na última quinta-feira, dia da favela, mostra que o crescimento dessas comunidades no Brasil aumentou o equivalente ao território de 11 cidades de Lisboa, capital de Portugal, que possui uma área de 100 km². O estudo foi feito através de e imagens de satélite captadas entre 1985 e 2020. Ao todo, 4,66% do crescimento de áreas urbanizadas, entre 1985 e 2020, têm características de ocupação informal. Júlia Shimbo, pesquisadora do Ipam e coordenadora científica do Mapbiomas, explica que metade da cidade de Belém é ocupada pela informalidade.

Dos biomas presentes no Brasil, a Amazônia lidera essa expansão em número percentuais, com 18,2%, o aumento das ocupações desse território sendo informais. Os estados onde esse bioma é encontrado também lideram quando o total da área é analisado. No estado do Amazonas, a informalidade responde por 45% da área urbanizada, no Amapá, 22%, no Pará, 14%, e no Acre, 12,6%. Uma alta média de 2,55%, ao ano, a maior de todos os biomas. Julia Shimbo diz que essa ocupação irregular impacta a qualidade de vida da população.

De acordo com os pesquisadores, em relação à ocupação urbana, em geral, embora a Mata Atlântica ainda concentre mais da metade desses espaços no Brasil, o Cerrado foi o bioma que mais perdeu vegetação nativa para a expansão urbana. Dos mais de 388 mil hectares de vegetação nativa que foram convertidos para áreas urbanizadas, ano-a-ano, 33% estavam no cerrado. Em segundo lugar vem a Amazônia com quase 92 mil hectares.

Últimas notícias
Educação

Piso salarial dos professores aumenta 33% e passa para R$ 3.845

O piso salarial dos professores da rede pública vai passar de R$ 2.886 para R$ 3.845, um aumento de 33,24%. Esse é o valor mínimo que o profissional deve receber no país.

Baixar arquivo
Direitos Humanos

Mais de 1.600 pessoas foram resgatadas de trabalho escravo em 2021

Em comunicado divulgado nesta quinta-feira (27), o Ministério Público do Trabalho informou que recebeu 1.415 denúncias de trabalho escravo, aliciamento e tráfico de trabalhadores no ano passado, número 70% maior que em 2020.  

Baixar arquivo
Meio Ambiente

Rio de Janeiro registra 40ºC nesta quinta-feira (27)

Para os próximos dias a previsão é que as temperaturas fiquem um pouco mais amenas devido a chegada de uma frente fria, nesta sexta-feira (28).

Baixar arquivo
Esportes

Campeão paulista, São Paulo inicia defesa de título contra Guarani

Tricolor deve promover as estreias de boa parte dos reforços de 2022

 

Baixar arquivo
Saúde

Covid: 13% do esperado para faixa de 5 a 11 anos foi vacinada no Rio

Até esta quinta-feira (27), pouco mais de 72 mil crianças entre 5 e 11 anos foram vacinadas contra a covid, bem abaixo da expectativa da prefeitura em alcançar pelo menos 90% de imunização. Os dados são do Painel Rio Covid-19.

Baixar arquivo